domingo, 30 de outubro de 2011

Os Direitos da Mulher na Civilização Islâmica

 

بسم الله الرحمن الرحيم
 

Dr . Ragheb Elsergany

        O Islam envolveu a mulher com grande cuidado e atenção, a elevou e a valorizou, a exclusivizou com a nobreza e bom relacionamento sendo filha, esposa, irmã e mãe. O Islam estabeleceu, inicialmente, que a mulher e o homem foram criados de uma só fonte, por isso as mulheres e os homens no aspecto humano são iguais. Disse Allah, o Altíssimo: [Ó humanos, temei a vosso Senhor, Que vos criou de uma só pessoa e desta criou sua mulher, e de ambos espalhou pela terra numerosos homens e mulheres] (Annissá: 1). E existem vários outros versículos que esclarecem a eliminação do Islam o princípio da distinção entre o homem e a mulher nos valores humanos comuns.


O valor da mulher no Islam

          Partindo destes princípios e negando os costumes da jahiliyah (época pré-islâmica) e das nações anteriores no assunto da mulher, o Islam chegou para defender a mulher e para colocá-la em um nível jamais alcançado em nenhuma nação ou religião anterior nem em nação posterior, estabelecendo para ela – como mãe, irmã, esposa e filha desde catorze séculos atrás – direitos reivindicados ainda hoje pela mulher ocidental.

          O Islam estabeleceu inicialmente que as mulheres se igualam aos homens no valor e na posição, o fato de serem mulheres não as diminui. O mensageiro (a paz esteja com ele) disse sobre isso, decretando um princípio importante: “Em verdade, as mulheres são irmãs dos homens”[1]. Também é narrado sobre ele que recomendava o respeito às mulheres permanentemente, dizia aos seus companheiros: “Tratem bem as mulheres...”[2]. Esta recomendação se repetiu no sermão de despedida quando ele falava a milhares de pessoas da sua nação.


O valor da mulher na época pré islâmica

          Se pretendemos esclarecer o que o Islam estabeleceu de bases para a elevação e enobrecimento da mulher, devemos primeiro perceber inicialmente a situação da mulher nas “ignorâncias” antigas e modernas[3], para vermos a real escuridão que ela viveu e que ela ainda vive. A partir daí, se esclarece para nós a real situação e posição da mulher sob a sombra dos ensinamentos do Islam e da civilização islâmica.

          Se os árabes – como antecedemos no primeiro capítulo – enterravam suas filhas as privando do direito à vida, temos o Alcorão Sagrado sendo revelado criminalizando e proibindo tal ato: [E quando a filha, enterrada viva, for interrogada, por que delito fora morta] (Attakwir: 8-9). O profeta (a paz esteja com ele) também fez deste crime um dos maiores pecados. Ibn Mass´úd disse: Perguntei ao mensageiro de Allah (a paz esteja com ele): Qual pecado é maior? Ele disse: “Que tu associes com Allah um parceiro sendo que Ele te criou”. Eu disse: E em seguida? Ele disse: “Que mates o teu filho temendo que ele divida o teu sustento contigo”. Eu disse: E em seguida? Ele disse: “Que cometas adultério com a mulher de teu vizinho” [4].


Os direitos da mulher no Islam

          Este assunto no Islam não se limita a dar à mulher somente o direito à vida, mais ainda, o Islam incentivou a benfeitoria a ela quando pequena. Disse o mensageiro (a paz esteja com ele): “Quem for responsável por estas meninas e for benfeitor para com elas, elas lhes serão uma barreira do fogo”[5].

          Em seguida, o mensageiro (a paz esteja com ele) ordenou ensiná-las dizendo: “Todo homem que tiver uma menina e a ensinar com perfeição, e a educar com perfeição... terá duas recompensas”[6]. E o profeta (a paz esteja com ele) dedicava um dia para a exortação das mulheres e as ordenava a obediência a Allah, altíssimo seja[7].

          Quando a menina atravessa a idade da puberdade e torna-se adolescente, o Islam já lhe dá o direito de aceitar ou recusar um possível pretendente para o casamento, não permite que ela se case com um homem a quem não deseja. Sobre isso, o mensageiro (a paz esteja com ele) disse: “A mulher que já foi casada tem mais direito sobre si que o seu tutor, e a virgem deve ser perguntada e sua permissão é o seu silêncio”[8]. E disse: “A mulher que já foi casada não pode ser casada até ser consultada, e a mulher virgem não pode ser casada até lhe ser pedida a permissão”. Disseram: Ó mensageiro de Allah, e como é a sua permissão? Disse: “Que faça silêncio”[9].

          E quando torna-se esposa, a lei islâmica incentiva o bom trato e boa convivência, levando em consideração que a boa convivência com a mulher é uma prova da nobreza do homem e da generosidade de sua natureza. Incentivando isso, o mensageiro (a paz esteja com ele) disse: “Se o homem dá água para sua mulher beber é recompensado”[10]. E alertando, diz: “Eu constranjo a quem faz perder o direito dos dois fracos: o órfão e a mulher”[11].

          O mensageiro (a paz esteja com ele) era um exemplo prático neste assunto, era de extrema ternura e bondade com sua família. Al Assuad Annakhaí narra que perguntou a Áíshah sobre o que o profeta (a paz esteja com ele) fazia junto de sua família. Ela disse: “A ajudava no trabalho doméstico, então, se chegasse a hora da oração, partia para a oração”[12].

          E se a mulher detestar o seu marido e não suportar viver com ele, o Islam lhe concedeu o direito à separação. Ibn Ábbass disse: A mulher de Thabit ibn Qaiss veio até o profeta (a paz esteja com ele) e disse: Ó mensageiro de Allah, não reclamo sobre Thabit em religião nem conduta, porém receio a incredulidade. O mensageiro de Allah então disse: “Então, queres anular a tua residência com ele?”. Ela respondeu: Sim. Então, o profeta (a paz esteja com ele) o ordenou que se separasse dela[13].

          Podemos adicionar ao que antecedeu o fato de o Islam ter estabelecido poder financeiro individual para a mulher exatamente igual o homem, ela pode vender, comprar, alugar, outorgar, dar e não tem limitação sobre ela enquanto ela goza de suas faculdades mentais, baseando-se no dizer de Allah, o Altíssimo: [Então, se percebeis neles maturidade, entregai-lhes suas riquezas...] (Annissá: 6).

          Quando Ummu Haní bint Abi Talib deu proteção a um homem politeísta e seu irmão Ali ibn Abi Talib queria matá-lo, o profeta (a paz esteja com ele) sentenciou a favor de Ummu Haní e deu a ela o direito de oferecer proteção na guerra ou na situação de paz aos não muçulmanos e disse: “Protegemos a quem tu proteges ó Ummu Haní”[14].

          Assim vive a mulher muçulmana, cara, nobre, protegida sob a sombra dos ensinamentos do Islam e sob a nobre civilização islâmica.

Tradução: Sheikh Ahmad Mazloum

--------------------------------------------------------------------------------

[1] Relatado por Al-Tirmizi: Capítulo de Al-taharah (purificação) (113), Abu Daud (236), Ahmad (26.238), Abu Ya'la (4694). Veja: Sahih Al-Jami ' de Al-Albani (1983).
 [2] Narrado por Al-Bukhari sob a autoridade de Abu Hurayrah: Capítulo de Al-Nikah (casamento), o capítulo de conselhos sobre cuidar de mulheres (4890), e Muslim: Capítulo da lactação (1468).
 [3] Mencionamos este assunto quando falamos sobre as civilizações anteriores.
 [4] Narrado por Al-Bukhari, capítulo de Al-Adab (comportamento) (5655), Al-Tirmizi (3182) e Ahmad (4131).
 [5] Narrado por Al-Bukhari sobre a autoridade do 'Aisha (que Allah esteja satisfeito com ela): Capítulo de Al-Adab (comportamento) (5649), e muçulmanos, o capítulo da Virtude, boas maneiras e participar dos laços de parentesco (2629).
 [6] Narrado por Al-Bukhari sobre a autoridade de Abu Musa Al-Ash'ari: Capítulo de Al-Nikah (casamento) (4795).
 [7] Abu Said Al-Khudri disse: Algumas mulheres solicitaram ao Profeta para fixar um dia para elas, enquanto os homens estavam tomando todo o seu tempo. Então, ele prometeu-lhes um dia de aulas para exortá-las e ordená-las. Narrado por Al-Bukhari, capítulo de Al-Ilm (conhecimento) (101), e Muslim, o capítulo da Virtude, boas maneiras e participar dos laços de parentesco (2633).
 [8] Narrado por Muslim sobre a autoridade de Abdullah ibn Abbas: Capítulo de Al-Nikah (casamento) (1421).
 [9] Narrado por Al-Bukhari sobre a autoridade de Abu-Hurairah: Capítulo de Al-Nikah (casamento) (4843).
 [10] Narrado por Ahmad na autoridade de Ibn Al-Írbadh ibn Sariyah (17195). Veja: Sahih Al-Targhib wa Al-Tarhib (Livro do incentivo e intimidação) (1963)
 [11] Narrado por Ibn Majah sobre a autoridade de Abu-Hurairah (3678) e Ahmad (9664). Shu'aby Al-Arna'ut disse que sua transmissão é forte, Al-Hakim (211), e disse que o hadith é correto, conforme as condições exigidas por Muslim. Al-Zahabi disse em Al-Talkhis: De acordo com as condições de Muslim. Al-Baihaqi (20.239). Al-Albani disse: correto. Veja Al-Silsilah Sahihah-Al (1015).
 [12] Narrado por Al-Bukhari capítulo, de wa Al-Jama'ah Al-Imamato (644), Ahmad (24.272), e Al-Tirmizi (2489).
 [13] Narrado por Al-Bukhari, capítulo de Al-Talaq (divórcio) (4973) e Ahmad (16.139).
[14] Narrado por Al-Bukhari sobre a autoridade de Um Hani bint Abu Talib: Capítulo de Al-Jiziah (3000), e Muslim: Capítulo de Salat Al-Musafirin (orações dos viajantes) (336) .

--------------------------------------------------------------------------------


Conselho Superior dos Télugos e Assuntos Islâmicos do Brasil, Grupo independente, constituído de sábios, cheiques que seguem a sunna e o consenso no Brasil, São propagadores locais e enviados dos ministérios dos bens religiosos e dos assuntos islâmicos das diferentes regiões para cuidar dos assuntos islâmicos dos muçulmanos no Brasil.

 المجلس الأعلى للأئمة والشؤون الإسلامية في البرازيل هو تجمع مستقل يضم علماء ومشايخ أهل السنة والجماعة في البرازيل، وهم عبارة عن دعاة محليين ومبتعثين من وزارات الأوقاف والشؤون الإسلامية في الأقطار الإسلامية لرعاية الجالية المسلمة في البرازيل
 
"São aqueles aos quais foi dito: Os inimigos concentraram-se contra vós; temei-os! Isso aumentou-lhes a fé e disseram: Allah nos é suficiente. Que excelente Guardião! Pela mercê e pela graça de Deus, retornaram ilesos. Seguiram o que apraz a Deus; sabei que Allah é Agraciante por excelência." (03: 173-174)


يُرِيدُونَ أَن يطفئوا نُورَ اللّهِ بِأَفْوَاهِهِمْ وَيَأْبَى اللّهُ إِلاَّ أَن يُتِمَّ نُورَهُ وَلَوْ كَرِهَ الْكَافِرُونَ

Desejam em vão extinguir a Luz de Deus com as suas bocas; porém, Deus nada permitirá, e aperfeiçoará a Sua Luz, ainda que isso desgoste os incrédulos!


enviado por Mohamad ziad - محمد زياد



***********  x x x x x x x ***************

Faço parte de um grupo no Yahoo e recebi esta semana essa mensgem. Então, como venho tentando esclarecer o Islam para muitos, principalmente para brasileiros, resolvi postar aqui.
Por eu ter sido cristã a minha vida toda e saber como funciona o cristianismo no Brasil, então venho tentando mostrar o outro lado do Islamismo que a TV, os jornais, as escolas não mostram.
A falta de informação e o preconceito no Brasil ainda é muito grande, apesar de a internet ter ajudado muito a abrir a mente de muitos. Mas ainda tem as pessoas que não aceitam a verdade, estão amarradas, atreladas aos ensinamentos que pouco ou nada nos ajudam a ter uma vida mais calma, mais regrada e mais satisfatoria. Sei que muitos nao vão aceitar o que estou dizendo, mas porque ainda não conseguem enchergar o que é claro. Eu não os julgo, pois, eu tambem pensava da mesma forma, mas após ler e analisar muita coisa consegui mudar , mesmo que relutante no inicio. Normal! Pois o novo e a mudança nos trazem desconforto. Não é fácil deixar uma crença de uma hora para outra e partir para algo que nos ensinam errado muitas vezes.
Comentário sao bem-vindos, pois, muitas vezes me dão idéias para novos posts. 

salam alleikum

Criss Freitas


quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Cigana do Oriente



¨Cigana do Oriente,
Oriente os passos da Terra,
Do Sândalo e da Flor,
Cesse com a guerra e espalhe o Amor.
Teu olhar nos acalma com palavras
sábias e ternas,
Nossos corações te agradecem com
palavras fraternas.

Minha amada cigana do Oriente,
Os oceanos do Tempo nos separaram outrora,
Mas, lembre-se de que o passado

já foi embora.
O que o Tempo separou, o destino trata
de unir novamente.

Mesmo em terras tão distantes do aconchego
do Oriente,
Fechamos nossos olhos e nos vemos
frente a frente.

Eterna cigana do Oriente,
Oriente os passos da Terra,
Do sândalo e da Flor,
Cesse com a guerra
e espalhe o Amor!¨

(DENISE BOMFIM) 


******* x x x x x ***********

Recebi esse poema em forma de comentário aqui no blog alguns dias atrás. Prometi a ela que iria transformá-lo em um post e assim o fiz, mas não tão certa se vou ser capaz de colocá-lo numa moldura do mesmo nivel.

Amiga Denise Bomfim, ainda não te conheço pessoalmente, mas já admiro muito. O que gosto na internet é isso é conhecer pessoas e criar um circulo saudável de amizade.
O não conhecer pessoalmente não é um significado de que não iremos nos encontrar, pois, fui buscar longe a minha felicidade que encontrei tbm na net.

O seu poema me feliz chorar, mas de alegria e hoje de novo você conseguiu isso... ahhhhh porque somos assim, tão sensíveis? Por que choramos quando queremos abraçar o mundo num sorriso?

Hoje você falou assim:

"Em que miragem posso te encontrar? Talvez em um Oásis repleto de verde, mesa farta e cores, sabores de música bela e perfume de sândalo.
Cada um exala um perfume, que nossa alma tanto almeja...


Com todo amor do dia,
Denise Bomfim. "

Logo hoje que o dia foi incerto, cheio de afazeres... 

You made me cry again, bad girl! :D

Fica em paz com Deus minha querida, pois, sei assim você está!
Visite o blog da Denise Salam e Salamaleques - ja ia esquecendo =)


 hamdulillah!

Criss Freitas




sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Minha história de recrutamento do Brasil para Dubai


Hoje resolvi fazer esse post falando um pouco sobre recrutamento, tanto no que diz respeito ao processo de seleção e a entrevista, quanto às pessoas que recrutam.

Primeiro vou contar o que aconteceu comigo no início do ano de 2010, mas precisamente fevereiro, sobre a  experiência que tive com uma recrutadora brasileira para trabalhar em Dubai.

Minha história começou em 2009, quando eu vi que o meu relacionamento com o meu habibi estava ficando sério e iríamos nos casar. Ele estava morando em Dubai, apesar de ser egípcio e eu no Brasil. Então resolvi procurar pela internet alguma recrutadora que fizesse o intercâmbio entre mim e a empresa em Dubai. Procurei vários sites recrutadores em Dubai e no Brasil, achei dois. Um se dizia gratuito e outro me pediu grana já logo de início. Esse eu descartei, porque isso é ilegal.

Sobre a outra recrutadora, no site dela dizia que eles não cobravam nada pelo recrutamento, pois isso é ilegal e todas as despesas seriam por conta da empresa que fizesse meu recrutamento. Então resolvi mandar meu curriculum.
Após alguns dias recebi um e-mail dizendo que havia sido selecionada para uma entrevista para um hotel em Dubai, o Hotel Milleninum. Fui nas estrelas e voltei de alegria. Claro, iria trabalhar na cidade do meu habibi, iria ter as despesas do vôo por conta da empresa e assim não precisaria me casar as pressas. Ótimo!

Após isso recebi um telefonema as 4 da manhã de um senhor com sotaque estranho (na verdade pakistanês, pois ele me falou que era) e falando inglês, óbvio, dizendo que era o recrutador que faria  minha entrevista e que a minha agente havia falado com ele. Deu o nome dela e da empresa em questão, senhora Andreia da Brazil's Best Recruitment and Consultance (sei lá se é bem assim que se escreve e nem quero saber).

Bom, 4 da manha no Brasil é 11 da manhã em Dubai, mesmo assim achei estranho ele me ligar esse horário.
Eu estava dormindo, óbviamente, e tive que me aprontar as pressas, pois, ele me pediu para ligar a cam porque queria me ver. Já tive outro susto.

Entao corri para trocar de roupa, arrumar o cabelo e tudo mais em menos de 10 minutos.

Pronta, liguei a cam e começamos a conversar. Detalhe, somente a minha cam ficou ligada, a dele NAO!.
Ele começou a me fazer duas ou três perguntas do tipo "Tell me about yourself" e "Why Dubai" e.... pasmem... me pediu para me afastar um pouco porque ele queria me ver de corpo inteiro. Instintivamente, como vivo  na internet, achei aquilo meio estranho e vi que sua respiração mudava um pouco e ficava um pouco ofegante. Tudo bem, me afastei e mostrei-me de corpo inteiro. Eu estava usando calça preta e terno preto, nada sensual, pois, já sabia de como agir para entrevista para Dubai. Mas tive a clara imprensão que ele estava se masturbando...

Então, foi onde ele me pediu para colocar um saia... Ok, tudo bem, ver o perfil da pessoa, ja que voce vai trabalhar em uma área onde a sua aparência é importante, tudo bem, mas ai pedir para trocar a roupa é demais!

Foi onde disse a ele que era cedo demais no Brasil e precisava dormir, pois senti que ele não estava sendo profissional me ligar aquela hora e fazer tal pedido. Desliguei e fui dormir.

Pela manhã recebi um telefonema dele para ficar online novamente. Então assim eu fiz.

Fiquei online após me arrumar novamente, isso já era mais de 10 da manhã. Minha mãe viu tudo e ficou muito preocupada. 

Entao abri meu msn e começamos a conversar. Ele me pediu para abrir a cam novamente. Abri!
Durante todo o tempo ele me fazia uma pergunta a cada 10 minutos, achei estranho porque esperava demais sem falar nada, apenas a minha cam estava ligada, eu não o via, fiquei numa situação constrangedora, pois, não sabia o que estava acontecendo do outro lado.

Após uma meia hora de conversa ele me pediu para abrir a minha blusa e mostrar-me para ele!! Pasmem. Sempre me pedindo para nunca falar para ninguém sobre o que estava acontecendo, pois, ele perderia o emprego dele e que o emprego já era meu, eu estava garantida e não precisava temer.
Disse a ele que não iria abrir minha blusa e que estava ficando estranho a conversa. Ele deu uma pausa novamente e eu na frente da cam sem falar nada, enquanto aguardava as perguntas que ele tanto estudei para responder... Mas nada de perguntas, apenas vaga conversa e tempo de espera entre uma fala e outra.

Após um certo tempo ele me pediu para por uma saia. Ok. Já estava de saia. Então, me pediu para baixar a cam e mostrar minhas pernas, abri-las  na verdade. 
Aí foi onde realmente vi que o negócio não estava sendo correto, desliguei o msn e tentei falar com a senhora Andreia da Brazil's Best recrutamento.
Fiz algumas ligações sem êxito e abri meu skype para ver se conseguia falar com ela, pois, percebi que após o primeiro contato com os clientes, ela os bloqueia para não ser perturbada...

Falei com ela então do que havia acontecido e ela disse que iria demitir o cara, que isso não iria se repetir. Mas quem sabe? Ela sempre se diz muito ocupada e para responder um email é um parto, então não acreditei muito... mas enfim, continuei esse processo de trabalho. Não escondi nada do meu namorado. Falei tudo o que havia acontecido.

Ela me confirmou que eu estava selecionada para o hotel e que eles haviam gostado muito do meu curriculum e que eu seria contratada. Recebi por e-mail um contrato de quatro paginas onde explicava tudo, assinei todas as folhas, escaneei e enviei de volta para ela. Ela me pediu também para fazer exames de sangue para doenças infecciosas como AIDS e Hepatite e raio-x do pulmão. Como não havia tempo para esperar, pois, segundo a Andreia em poucos dias eu embarcaria, fiz os exames pelo convenio particular, ou seja, tudo pago. Gastei muito grana nisso.
Também corri para fazer meu passaporte e paguei para eles entregarem antes do tempo, mais uma grana extra, fora o passaporte em si.
Agora era só aguardar o hotel acertar meu vôo e tal.

Agora desse ponto em diante, depois de todo o susto que passei com o recrutador tarado, é que veio a minha surpresa maior. A senhora Andreia da Brazil's Best me pediu U$ 600.00 (R$ 1.200,00) na época, pelo recrutamento. Passou-me os dados bancários e disse para eu enviar em modo West Union que ela receberia nos Estados Unidos onde ela morava nesse período. Assim o fiz sem exitar, pois, em breve encontraria meu amor e poderiamos então casar.

Após enviar o dinheiro para ela, fiquei esperando o hotel comprar meu vôo. 

Nessa época eu havia recebido um bom dinheiro de uma indenização trabalhista e comecei a concretizar a viagem, Comecei a comprar roupas leves para Dubai, malas novas, enfm, estava aprontando a viagem para ir encontrar alguém especial e morar em outro lugar do mundo. Queria deixar tudo certo no Brasil antes de ir, então, paguei tudo o que devia também.

Gastei nisso tudo, passaporte, exames, dinheiro para Andreia, roupas e arranjos para a viagem a quantia de mais ou menos R$ 8.000,00. Isso mesmo.

Após se passarem uns quinze dias, enviei um e-mail a Andreia perguntando o que estava acontecendo que o meu e-ticket não chegava. Ela sempre me dizendo que tudo em Dubai demora e que não era para eu me apavorar.

Após dois mêses de espera pedi para o meu namorado ligar para o hotel em Dubai e falar com o gerente, pois, o negócio estava ficando cinistro. E ele ligou!

Foi assim que descobri que o meu recrutamento havia sido recusado porque o bilhete aéreo do Brasil para Dubai era muito caro e eles não iriam pagar a quantia para o cargo que eu havia sido chamada. 

O processo estava encerrado já havia mais de um mês e a senhora Andreia continuava me dizendo para esperar. A senhora Paula (irmã de Andreia) informou para o meu namorado por telefone para eu não me preocupar que havia muito emprego em Dubai para mim.... Enfim, um bando de trambiqueiras que usam sites para ganhar dinheiro.

 Antes de pedir meu dinheiro de volta, pois, eu ia até o fim do mundo para achar ela para cobrar, recebi um e-mail para um outro hotel vindo dela. Era para a seleçao do Hotel Atlantis.
Isso foi em agosto de 2010 que houve um recrutamento em Sao Paulo para o hotel Atlantis e a Brazil's Best chamou os candidatos a participarem. Eu fui. Chegou lá, ela nos pediu apenas para sorrir, sorrir e sorrir, e eles escolheram o pessoal que menos tinha critério, pois, pagavam pouco e retiam o passaporte com eles. Uns caras muito esnobes com sotaque alemão, pois, a empresa é alemã. Não fui selecionada, também, mais uma grana gasta para nada. Sem falar na decepção e tristeza que ficam por meses latejando em você.

Para terminar com esse assunto que realmente me indigna, pois, gastei uma puta grana e sem retorno algum, queria dizer para abrirem o olho com pessoas que oferecem oportunidades de graça. Nada na vida é de graça, porque emprego em Dubai seria? Talvez um ou outro hotel faça grandes recrutamentos e pague por seu ticket do Brasil a Dubai, que não é barato, mas na situação que Dubai se encontra eu vejo eles apenas recrutando o pessoal que já está aqui, ou indianos, pakistaneses e filipinos, que vem trabalhar aqui quase de graça.

Ao menos o meu dinheiro ela me reembolsou, já que o meu namorado havia entrado na história e iria tomar algumas medidas legais contra essa empresa, que na verdade se diz ser em Abu Dhabi, mas nunca vimos o endereçõ ou coisa do tipo... Muito estranho!

Mas quem quer vir trabalhar em Dubai, um dica, seria juntar uma grana e ficar por conta própria. Aqui tem muito emprego, mas, como disse eles não estão pagando ticket aéreo caro e Brasil é  um caso desse.

Fale com um amigo ou divida aluguel, mas não espere cair do céu um ticket que vale R$ 5.000,00, fora as outras despesas.

Boa sorte e abram o olho com trambiqueiras que fazem site e pedem para alguém dar depoimento de boa empresa, TUDO BALELA!

Qualquer dúvida ou comentário fiquem a vontade para falar. Responderei a todos. Eu ja fiz outro post aqui no blog com os sites seguros para postagem de curriculuns.

 Obs
Após 4 meses em Dubai consegui um ótimo emprego numa das melhores empresas daqui. Então vi que o problema não estava em mim e sim nelas (Andreia e Paula). 
As boas empresas aqui não têm problemas quanto a sua idade, cor ou coisa assim. Na hora da entrevista são cordiais e gentis, sem a frescura de psicotêcnico e pagação de mico.
Criss Freitas



terça-feira, 18 de outubro de 2011

Dubai por outro prisma




Hoje o dia foi movimentado! Acordei antes das 8 da manhã (2 da manha no Brasil) para ir à uma reunião. Não sei se você é assim, mas odeio acordar cedo. Acho que o ser humano deveria dormir de dia e fazer tudo a noite. Bem melhor. Silêncio, escurinho, a inspiração sempre vem. Mas durante o dia... pra mim não vai. Só um desabafo antes de começar :]

Mas o assunto do post não é acordar cedo e sim as novas possibilidades que aparecem na nossa vida nas simples coisas do dia-a-dia.
Tem gente que acha que ter um carro conversível ou uma Ferrari último modelo é sinônimo de felicidade, pode até ser, mas podemos encontrar felicidade mesmo em situações que não pareçam tão pomposas. Elas não percebem que para ser feliz você não precisa ter e sim SER.

Eu já morei em algumas cidades no Brasil, Bahia, Rio de Janeiro, Santa Catarina, sem falar nas cidades que a gente não  mora, mas já foi várias vezes e tals...
Sempre que estou em uma cidade que não conheço, prefiro sempre andar pelos bairros, ir e vir sem pressa e assim ir me familiarizando com o lugar. Detalhe: carro só para passeios mais longes, gosto mesmo é de contato com as pessoas, conhecê-las, conversar, perguntar onde fica esse ou aquele lugar. Assim você aprende o caminho, conhece novas pessoas, faz amizades e relaxa. Coisa que se você fizer de carro, muito raramente vai acontecer, principalmente amizades. Então, esqueça carro, use-o quando não poder ir de ônibus ou metrô, e taxi em última circunstância, também.

Claro que, há situações que você não pode deixar o carro de lado, como quando você acorda tarde porque ficou teclando a noite toda... aí é o ó do borogodó. Tem que ser carro mesmo e a jato se for possivel para não ganhar uma baita enchida do chefe.

Voltando ao post... Quando terminei a reunião pela manhã, não tinha como voltar de carro para casa porque o Mr habib :) estava trabalhando e não tinha como me pegar, então, ele me deu duas opções: pegar um taxi direto para casa ou pegar o metrô até a estação de al Rashidya e de lá tomar um ônibus para International City... Qual vocês acham que escolhi? Taxi! Claro, que não!. Além de ecomizar Dhr 50.00 eu pude conhecer Dubai de um ponto que eu ainda não conhecia. Escolhi metrô e ônibus. Mais demorado, é! Mas quem disse que estou com pressa!!

sala de espero metro de Dubai
O que me agradou nessa aventura, após cinco meses em Dubai, foi descobrir que aqui os ônibus e o metrô não atrasam e as estações são climatizadas! Deus, tô no céu. Pensa, esperar ônibus em Dubai debaixo de um sol escaldante de 45'C, é para pedir para sua alma desencarnar em vida... lol - to brincando! Mas é verdade. Os pontos de ônibus aqui têm ar condicionado. Não é igual no Brasil que você derrete no sol, congela no frio ou toma banho na chuva, porque os pontos de ônibus foram depedrados e os ônibus nunca passam no horário. Quando passam você fica pensando que é sonho ou presságio... Aiiii, xô bangalô, pé de pato três vezes! (Simpatia contra azar rsrs, brincando, não acredito nisso!!)

Para terminar a viagem, passei pelo bairro chamado Dubai Oasis Silicon. É pequeno, mas é novo e muito organizado e bonito, bem pertinho de International City.

Oasis Silicon, um oásis no meio do deserto
A viagem durou mais tempo que se eu viesse de carro ou taxi,  mas cheguei em casa muito feliz. Parecia que tinha descoberto um mundo, um mundo que eu consegui andar sozinha e não me perder. Nova conquista!

Aí você me diz, pow a Cris só pode tá delirando. Andar de ônibus é conquista, agora? Falar com gente, perguntar, se comunicar e levar mais tempo para chegar em casa, é felicidade?
- Pode até não ser para você, mas para mim é e muito. Começamos com as pequenas para alcançar as grandes, CONQUISTAS!

Eu agradeci a Deus todo o tempo, por ter olhos para admirar tanta beleza e pernas e braços, porque muitas pessoas no mundo não podem se quer beber água.

Agora as fotinhos, claro, pensou que eu ia esquecer, né?... nem pensar!


clique no ícone do canto esquerdo para ver melhor em tela cheia.


assalam alleikum
Criss Freitas




sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Dubai: crescimento e emprego



avenida do aeroporto

Ontem eu fui até a Emirates Airlines levar alguns documentos e já aproveitei para registrar algumas fotinhos, claro, para quem me conhece sabe que eu sou "tarada" por fotos, até mesmo as sem qualidade de fotógrafo profissional (que é o meu caso ={ ).

Sobre a prosperidade de Dubai tenho a dizer sobre o setor turístico, que é um dos principais motivos de crescimento dessa cidade, uma empresa que vem se destacando é a Emirates Airlines junto com a Dnata Travel Service e o setor aeroportuário.
obra terminal 3 do aeroporto de Dubai e garis

Dubai, a partir de novembro desse ano (2011), saltará na frente dos aeroportos de Frankfurt (Alemanha), Charles de Gaulle (Paris) e Hong Kong (China) para o segundo aeroporto mais movimentado do  mundo. Dubai espera receber 50 milhoes de passageiros até o final deste ano e sua capacidade é 50% acima disto.

A empresa Emirates Airlines divulgou que está recrutando 4 mil tripulantes de bordo para trabalhar nos novos Air Bus e nas novas rotas que vem sendo agregadas. A Emirates tem vôos para duas cidades no Brasil, São Paulo e Rio de Janeiro. O recrutamento para o pessoal de terra não é tão grande, mas muita gente está sendo admitida para o novo terminal de passageiros do aeroporto de Dubai, que está sendo construindo e a previsão de término é para novembro próximo. Para se candidatar a uma vaga acesse o site da Emirates Airlines e clique lá embaixo em Carreiras, você deverá preencher um formulário com seus dados que será seu curriculum online. Boa sorte.
irrigaçao do jardim
Indo para o aeroporto onde fica a Dnata e Emirates, fiz algumas fotinhos pelos arredores. O bairro é bonito e com muitos jardins.
Uma coisa que é muito interessante em Dubai é a irrigação dos jardins. Aqui por ser muito quente e não chover o ano inteiro, isso mesmo o ano inteiro, os jardins e árvores têm que ser irrigados todos os dias artificialmente. Os jardins ficam sempre verdinhos e com ar de frescor. Quando olhamos bem de perto vimos umas mangueirinhas pretas pelo châo que formam um zigue-zague por todo o jardim. Essas mangueirinhas são a irrigação. Muito legal, pois todos os lugares tem isso.

cartaz principe de Dubai

Podemos ver por toda cidade, também, cartazes da realeza de Dubai, rei e principe. São cartazes, outdoors, luminosos nas áreas externas e nos edíficios podemos ver quadros e cartazes decorando os ambientes.


vias elevadas
Outra coisa que marca muito Dubai são as vias elevadas, tipo pontes, porém elas ficam por cima de outras vias ou avenidas. Tem certos lugares aqui, principalmente no centro, quando olhamos para cima vimos um emaranhado de vias, muito bonitas por sinal. Algumas são decoradas com arte árabe, como as da frente do Dubai Mall e outras mais simples, porém, longe da simplicidade das vias aéreas do Brasil.


Veja o restante das fotos. 




Espero que tenham gostado. Deixe seu comentário, dúvida, sugestão... o importante é comunicar.

salam alleikum

Criss Freitas




quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Egito, arte como protesto pós Mubarak



Materia do Jornal The Atlantic desta semana fala sobre os artistas do Egito com liberdade de expressão após a condenação de Mubarak... Veja alguns trechos.

A arte como protesto, um meio para expressar idéias complexas políticas e sociais, não é um conceito novo: basta pensar na declaração de Picasso sobre a tragédia da guerra em Guernica, ou murais de Banksy na barreira da Cisjordânia. Mas no Egito, onde o Ministério da Cultura controlava toda expressão pública, arte protesto foi difícil de encontrar - pelo menos até janeiro deste ano, quando 18 dias de revoltas de massa derrubou o regime do presidente Mubarak e liberdades inesperado floresceu, incluindo o direito de fazer arte.


panfletos anonimos do Cairo - como protestar
O artista da vez é Mohamed Fahmy, que atende pelo apelido de Ganzeer, ou "cadeia" em árabe. Em 27 de janeiro deste ano (2011) foram distribuidos panfletos anonimos no Cairo onde ensinava como protestar e pela similaridade dos desenhos pressupõe-se que seja ele o autor. Ao ser questionado ele negou, mas a dúvida ainda resiste.
Seu estilo é lúdico e fortemente influenciado por histórias em quadrinhos, mesmo em seu trabalho mais formal de ensino pré-Revolução. Em um show em 2010 chamado "Por que não", os participantes foram feitos para andar através de uma porta decorada como uma boca de um rosto enorme, usando uma rampa de madeira pintada como uma língua. Ele disse aos avaliadores no Almasryalyoum, "Com uma língua, posso fazer o bem ou posso fazer o mal. Posso contar muitas histórias com a língua."

Como qualquer artista que tenta provocar, Fahmy se meteu em apuros. Ele foi preso em 26 de maio para colar adesivos do que ele chamou de "Mask of Freedom" (máscara da liberdade), retratando um manequim com uma máscara de gás e um texto que dizia: "Saudações do Conselho Supremo para a juventude livre da nação." Ele foi libertado sem castigo mais tarde naquele dia, um sinal do quanto as coisas tinham mudado, ou pelo menos do desinteresse da nova liderança militar em um jovem grafiteiro.

Em outro trecho ele comenta:
"Assim que Mubarak foi deposto, houve uma explosão de arte de rua excessivamente nacionalista patriótica", Fahmy lembrou: "Eu acho que esse tipo de arte de tem reduzido, e estamos começando a ver mais e mais de uma crítica social e espécie comentário político da arte de rua. a batalha agora parece cair totalmente no reino da mídia, propaganda e opinião pública ". Ele despreza os líderes militares que tomaram o controle depois de Mubarak.
o panda triste - simbolo da depressao e tristeza dos jovens do Egito pela falta de expectativa no futuro devido a má política de Mubarak


Fahmy não é a única promoção do protesto de rua. Panda triste, Kaizer, e El Teneen são os apelidos familiares de outros artistas que já ganhou fama de marcação a paisagem urbana.
 Um dos seus trabalhos foi o mural retratando um ciclista segurando uma bandeja de pão, um alimento familiar no Cairo conhecido como aish, uma palavra que também significa "vida". Enfrentando o ciclista tinha um tanque de guerra com um soldado na torre de tiro, visando o pão.

A revisão de 2010 de "Why Not?" Fahmy cita dizendo que seu trabalho explora a condição humana. "Não é totalmente claro o que [ele] pensa da humanidade, mas é certamente algo lúdico e, ao mesmo tempo perturbador", escreveu o crítico.
"Meu trabalho é
mais socialmente dirigido do que qualquer outra coisa", disse Fahmy. "Tudo depende do que eu quero tocar." Dito isso, ele é realista sobre as incertezas de seu país... Quando perguntado sobre o futuro político do Egito, ele comentou: "O que  vencer provavelmente será aquele que ganhar a maior quantidade de pessoas para sua causa."

Nesta atmosfera de diferentes apelos populares, talvez a censura, os comentários irônicos políticos de Ganzeer e outros artistas de rua é apenas um chamado para ajudar os egípcios a terem noção do novo mundo em que vivem - e sua capacidade de fazer uma marca nele.
 Fahmy não é o único promotor do protesto de rua. Panda triste, Kaizer, e El Teneen são os apelidos familiares de outros artistas que já ganharam fama na marcação da paisagem urbana do Egito.

 Matéria do Jornal The Atlantic em inglês aqui.
 Adaptação e tradução pela autora do blog.
 Os artistas como sempre com sua sensiblidade tentando mudar o mundo. Artistas revolucionários que ajudam o mundo a crescer, a transformar-se!


Criss Freitas





terça-feira, 4 de outubro de 2011

Como legalizar seu visto em Dubai




Visto para Dubai não é uma coisa fácil de se conseguir quando se está fora do país e nem quando se está dentro dele...
Eu cheguei em Dubai em 21 de abril desse ano (2011), e somente agora recebi o visto oficial de redisente. Por que? Burocracias e muita grana para pagar para se obter o bendito visto.


Começa assim - essa é para quem já está em Dubai

Visto de turista
Se você vem para cá com visto de turista como eu, esse visto só valerá por 30 dias. Você poderá renová-lo por mais 40 dias pagando USD 700.00 à cia aérea ou hotel que ficou como seu responsavel (sponsor). Esse procedimento só é permitido fazer uma vez, após isso bye bye Dubai. Eu paguei à Emirates Airlines, que facilitou bastante a minha vinda para cá desde o Brasil.

Mas se você necessita de mais 30 dias, para poder resolver seus negócios e já extendeu seu prazo, você ainda tem mais uma saída. 
Você pode sair do país, indo até Oman, um país vizinho de Dubai, mais ou  menos 2 horas de carro (500Km aprox) dependendo do local onde você estiver em Dubai. Você então sairá do país (UAE - Dubai), receberá o visto de saída e entrará em Oman. Chegando lá você vai até a imigração e recebe o visto de entrada e paga em torno de AED 250.00. Agora você pode voltar a Dubai com um visto de turista valendo por mais 30 dias na mesma hora, não é necessário permanecer no país de Oman. É bate e volta.

Claro que antes de ir a Oman, você deve procurar uma empresa de turismo (agencia) para solicitar seu visto de retorno a Dubai, que custará em torno de AED 250.00 . Sem isso você não consegue voltar a Dubai.

Ainda se você não quiser ir de carro, você pode ir de onibus e a própria empresa transportadora se encarrega de solicitar seu visto, porém a viagem pode durar até 5 horas por causa da parada em Hattan, país que faz fronteira e inspecionará as documentações (alfandega). Mas vale o esforço.

 Onde conseguir o onibus para Oman
Perto do edifício da Danata em Deira, tem o terminal rodoviario, onde você poderá achar três empresas que fazem a linha Dubai - Muscat (Oman). A passagem ida e volta custará em torno de AED 100.00


Visto provisório para residente
Antes de você ter seu visto de residente permanente de Dubai é necessário solicitar o visto provisório de residente, que tem a validade de trinta dias. Você precisará de um "sponsor" ou responsável para solicitar seu visto para você, isso poderá ser feito por uma empresa, pai ou esposo. Esposa só poderá ficar de responsável pelo esposo se tiver uma salário maior que AED 7,000.00.
Valor da solicitação = AED 530.00

Legalização de visto provisório para permanente
Que foi o meu caso esta semana!! O que eu precisei fazer para legalizar meu visto, já que ele estava com prazo expirado desde 25 agosto?  (A multa diária nesse caso já que é visto de residente é de AED 15.00 por dia. Se for visto de turista ou visitante a multa diária é de AED 100.00, então fique esperto.)
  • Primeiro passo
Para ir de Mirdif e imediações até al Muhaisnah link para este mapa
 Fazer exame de doenças infecciosas sangue e pulmão. Onde? Em um dos Medical Fitness Centers de Dubai. O mais completo é o de al Muhaisnah, que atende a todas as categorias de clientes. 
 Valores
Para entrega em até 10 dias uteis AED 260.00; para 48 horas 340.00 e  para urgência 24 horas 470.00.
Esses valores podem mudar um pouco dependendo da categoria que você se encaixa.

  • Segundo passo
Após pegar o seu resultado de exames, você deverá ir até o setor de imigração, que pode ser no edificio da Direcção Geral dos Assuntos Estrangeiros e Residência de Dubai aberto até as 19:00hs, ou no próprio Medical Fitness Center de al Muhaisnah onde você encontra um escritorio de imigração, porém fica aberto somente até as 14:00hs.
Valores
AED 400.00 aproximadamente, se não tiver multa de atraso e se for para entrega em prazo normal. Se quiser que fique pronto na mesma hora o valor de AED 130.00 é cobrado e você sai de lá com seu visto estampado no seu passaporte.

ESSA É PARA QUEM QUER VIR PARA DUBAI

Para poder entrar em Dubai é necessário visto se você é brasileiro(a).


Falarei somente desses três tipos de visto Turista, Visitante, Trabalho. Se quiser mais informações, clique aqui.



Documentação
Para turista 
Copias: passaporte, RG, CPF, contra-cheque de salario, comprovante de residencia, endereço da empresa onde trabalha, foto 3x4, ticket aereo ida e volta, reserva confirmada em hotel. Valor R$ 130,00 e vale por 30 dias, mas poderá ser extendido por mais 30 solicitando ao seu sponsor (responsavel).

Para visitante
A documentação solicitada é um pouco diferente. Todos os docs acima e eles te pedirão contra-cheque de salário e o valor deve ser alto. Se o contra-cheque for de valor baixo te pedirão um responsável no Brasil por sua ida e volta. O que ele deverá apresentar: Uma declaração dizendo que se responsabiliza por você, cópia dos documentos RG e CPG e ainda cópia da última Declaração de Imposto de Renda dele. Valor R$ 577,00 e vale por 90 dias. Poderá ser extendido por 30 dias socilitando ao responsavel.



De trabalho
Seu sponsor será a empresa que lhe contratou, portanto, eles cuidarão de tudo e você das malas. = ] No worries!

Como proceder para fazer o visto turista ou visitante

Primeira opção
Seria contratando uma agência de viagem que cuidará de tudo para você. Um hotel em Dubai será seu responsável.



Segunda opção 
Foi a que eu fiz. Viajando com a Emirates Airlines, eles ficam de responsáveis por você e não o hotel. Apesar de que você precisará de uma reserva em um hotel em Dubai do mesmo jeito e a documentação exigida é igual para ambos os casos. Se precisar extender o visto por mais 30 dias é só ir a um dos postos de atendimento da Emirates aqui em Dubai.

O processo de solicitação durará uns 15 dias, assim que seu visto estiver pronto é só fazer as malas e curtir a viagem!.


******** X X X X X **********

O post ficou chatinho porque tem valores daqui, valores dali e eu sei que muita gente  não está interessado nisso, mas muitas outras estão porque precisam viajar para cá ou estão aqui e precisam legalizar sua situação. Então o post é  mais no sentido de ajudar as pessoas a se planejarem.


** Valores aqui apresentados são referentes ate outrubro de 2011, após esta data poderão haver mudanças conforme a taxa cambial de cada país.




Boa semana a todos.

Criss Freitas