Translate

Cigana do Oriente



¨Cigana do Oriente,
Oriente os passos da Terra,
Do Sândalo e da Flor,
Cesse com a guerra e espalhe o Amor.
Teu olhar nos acalma com palavras
sábias e ternas,
Nossos corações te agradecem com
palavras fraternas.

Minha amada cigana do Oriente,
Os oceanos do Tempo nos separaram outrora,
Mas, lembre-se de que o passado

já foi embora.
O que o Tempo separou, o destino trata
de unir novamente.

Mesmo em terras tão distantes do aconchego
do Oriente,
Fechamos nossos olhos e nos vemos
frente a frente.

Eterna cigana do Oriente,
Oriente os passos da Terra,
Do sândalo e da Flor,
Cesse com a guerra
e espalhe o Amor!¨

(DENISE BOMFIM) 


******* x x x x x ***********

Recebi esse poema em forma de comentário aqui no blog alguns dias atrás. Prometi a ela que iria transformá-lo em um post e assim o fiz, mas não tão certa se vou ser capaz de colocá-lo numa moldura do mesmo nivel.

Amiga Denise Bomfim, ainda não te conheço pessoalmente, mas já admiro muito. O que gosto na internet é isso é conhecer pessoas e criar um circulo saudável de amizade.
O não conhecer pessoalmente não é um significado de que não iremos nos encontrar, pois, fui buscar longe a minha felicidade que encontrei tbm na net.

O seu poema me feliz chorar, mas de alegria e hoje de novo você conseguiu isso... ahhhhh porque somos assim, tão sensíveis? Por que choramos quando queremos abraçar o mundo num sorriso?

Hoje você falou assim:

"Em que miragem posso te encontrar? Talvez em um Oásis repleto de verde, mesa farta e cores, sabores de música bela e perfume de sândalo.
Cada um exala um perfume, que nossa alma tanto almeja...


Com todo amor do dia,
Denise Bomfim. "

Logo hoje que o dia foi incerto, cheio de afazeres... 

You made me cry again, bad girl! :D

Fica em paz com Deus minha querida, pois, sei assim você está!
Visite o blog da Denise Salam e Salamaleques - ja ia esquecendo =)


 hamdulillah!

Criss Freitas




1 comments:

  1. Salam, minha flor do deserto, Criss!

    Shukran, Allah! por você existir...
    por você ser sensível...
    por suas lágrimas que ao caírem aí tão longe,
    semearam nos grãos de areia
    aquela vontade de menina...
    de ser livre e voar com o vento.

    Assim eu me sinto ao ver sua homenagem:
    livre, voando com o vento sobre o deserto.
    Muito obrigada por tudo.

    Um dia estaremos sorrindo, passeando nas areias de Dubai...

    Dorme bem, menina.

    ResponderExcluir

DESTAQUE

Brasileiras e Egipcio, verdades e mentiras no amor virtual

Ultimamente tenho recebido emails e falado com muitas pessoas que se relacionam pela internet. Geralmente são brasileiras com estrange...