Translate

Será que o Brasil é tão ruim assim? Compare entre ficar grávida aí e aqui...



Olá meninas, asalamu alleikum, que a paz e a benção de Deus esteja sobre todos.

Queria compartilhar com vocês a experiência de ficar grávida fora do Brasil. Mostrar como é o tratamento aqui fora e os custos envolvidos. Também queria que no final todos analisassem comigo se o Brasil é tão ruim assim como todos dizem...
O post será tipo fichário para podermos calcular certinho, ok?

DESCOBERTA 


29 de junho de 2013
Cidade: Dubai
Nacionalidade da médica: indiana

A descoberta que estava grávida foi meio que inusitada... Eu tinha faltado ao trabalho por causa de uma enchaqueca e para não perder o dia de trabalho fui à uma clínica consultar um médico e pegar um atestado. Chegando lá falei à doutora que sentia muita dor de cabeça e que "talvez" podesse estar grávida, mas disse isso somente para que ela não me negasse o atestado médico rsrsrs (espertinha)...
Foi onde ela me passou um exame de gravidez pela urina que fiz na mesma clínica. Esperei por alguns minutos e ela me chamou novamente à sala dela e então me deu a mais estonteante notícia: "você está grávida!". Fiquei surpresa e feliz. 
Mas sempre tive um probleminha de saúde, hipotireoidismo e hipertensão (pressão alta).
Então ela me aconselhou a parar o remédio anti hipertensivo que tomava e ir no dia seguinte a outro hospital consultar uma média para gestante (obstetra).
Provavelmente o remédio que eu tomava não estava deixando eu engravidar, por isso levei tanto tempo, um ano e meio mais ou menos. 
Só lembro que estava tomando ácido fólico desde abril segundo a ginecologista havia recomendado. 
Data da última menstruação: entre 10 e 15 de maio.
Custo da descoberta: dirhams 200.00 (+- Reais 100,00 )


PRIMEIRA CONSULTA COM A PRIMEIRA OBSTETRA


30 de junho de 2013 - 7 semanas
Cidade: Sharjah (vizinha de Dubai)
Nacionalidade da médica: indiana

Seguindo o conselho de um amigo do habibi que a esposa já conhecia essa médica, fomos até ela para nos informarmos melhor sobre o que fazer.
Na primeira consulta ela me prescreveu o remédio da pressão alta indicado para gestantes, o mais confiável do mercado onde o bebê não é afetado. Também fez um ultrasom durante a consulta mesmo para checar se havia o bebezinho mesmo, e sim, claro, apareceu lá o meu "feijãozinho" lindo.
A maioria dos consultórios aqui dispõem de uma máquina de ultrasom onde os próprios médicos fazem o escaneamento rapidamente para checar o feto, coraçãozinho e tal. Mas, mais a frente veremos uma surpresa nessa área!
Ela falou mais ou menos (num inglês não muito legível) o risco que eu corro, botando um pouco mais de ênfase, claro e pediu alguns exames de sangue e urina. Pediu também uma consulta com um cardiologista.
Custo total da consulta e exames: AED 600.00 (+- R$ 300,00)


CARDIOLOGISTA


15 de julho de 2013
Cidade: Ajaman
Nome: 
Nacionalidade: especialista egipcio

Antes de começar a consulta um ecocardigograma é requerido.
Na sala conversa com o habibi e não encontra nada, tudo certinho, graças a Deus.

Valores:
Consulta: AED 250.00 (R$ 125,00)
Ecocardiograma: AED 150,00 (R$ 75,00)
Total:  AED 400.00 (R$ 200,00)



SEGUNDA CONSULTA - A TROCA DE MÉDICA E DE HOSPITAL


21 de julho de 2013 - 9 semanas
Cidade: Dubai
naiconalidade da médica: indiana

Levando em conta que o consultório dessa médica era meio distante, comecei a informar-me no meu trabalho com outras gestantes e ex-gestantes sobre hospitais, médicos e tudo mais em Dubai. Descobri que minha empresa tem convênio com alguns hospitais governamentais e por isso temos descontos nas consultas e exames e no parto poderemos ser reembolsados de uma parte do dinheiro gasto.
Não vou citar o nome do hospital por questões de ética.

Cheguei no hospital com esperança de encontrar um serviço a altura do luxo do hospital, instalações limpas, bem equipadas, iluminadas, tudo no estilo alta qualidade. Mas espere...
Trouxe comigo meus exames prévios pedidos pela primeira médica feitos há 20 dias atrás.
Expliquei o que se passava dei a ela os exames (não fez questão de lê-los)
Pediu para eu subir na mesa no ultrasom, escaneou para checar o bebê e disse que estava tudo bem. Como disse esse ultrasom é rotineiro, mas pode-se ver como em outros ultrasons.

Então, num inglês também não muito legível, com muitos "I am sorry" porque nao entendia bem o que estava sendo dito, ela disse que minha gravidez era de alto risco e que precisa de muitos cuidados. 
Adicionou mais um remédio para tomar em caso da pressão alterar muito, remédio que me causou muita irritação no couro cabeludo, parecendo que se arrepiava quando eu passava a mão ou me penteava. Mas segui tomando alguns dias que precisei. Também prescreveu ácido fólico e vitaminas para gestantes.
Para checar novamente o bebê num "ultrasom mais potente" e checar meu sangue e urina prescreveu uma lista de exames.

04 de setembro 2013 - 16 semanas
Ultrasom marcado, entro na sala,  pensei: hoje saio daqui sabendo o sexo do bebê para ir comprando as roupinhas e coisas de enxoval. A radiologista (também indiana) faz o escaneamento, mede daqui e dali e quando ia dando mais ou menos 3 minutos já ia se despedindo quando eu perguntei qual o sexo do bebê. Ela me olhou espantada fez algumas expressões indianas na face passou o scanner novamente e disse: "it looks like a boy but I can not be sure", parece menino mas não posso ter certeza. E saiu.

Valores:
Atestatado médico: AED 60.00 (R$ 30,00)
Consulta c. desconto: AED 180.00 (R$ 90.00)
Exames de sangue c. desconto: AED 1.200.00 (R$ 600,00)
Ultrasom c. desconto: AED 425.00 (R$ 210,00)
Total: AED 1.865.00 ( R$ 932,50)

Exames e ultrasom foram feitos no mesmo hospital.



SEGUNDA CONSULTA 


11 de agosto de 2013 -
Consulta de Emergência
Pressão arterial 16 x 10

Após problema no meu trabalho tive uma crise de pressão alta com forte dor na nuca e pescoço.
Fui até o hospital para avaliar a situação e pegar atestado médico devido meu estado não ser bom para ir trabalhar no próximo dia.
Ela me prescreve outro medicamento para emergência e diz para eu ficar no hospital em observação, eu me recuso e tenho que assinar uma folha de responsabilidade para ir embora. 
Enquanto o habibi foi comprar os remédios e pagar o atestado médico, a médica deixa o consultório enquanto organizavamos os papéis e a assistente diz que não vai ser possível fazer o atestado médico porque o centro de digitação já estava fechado, somente para o próximo dia. Irei perder o dia de trabalho... Enquanto isso eu fiquei sentanda "literalmente" esperando a médica, quando notei que ela já havia ido embora. Então perguntei a assistente se eu estava liberada e ela me disse que sim. Fui embora sem entender o por que de a médica deixar a sala sem anunciar...



TERCEIRA CONSULTA TROCA NOVAMENTE DE MÉDICA


28 de agosto de 2013 - 20 semanas
Nacionalidade: indiana
Com os exames e ultrasom na mão pedidos pela outra médica entrei no consultório. Ela deu uma olhada por cima e disse que já fazia muito tempo que os exames haviam sido feitos.
Checou o bebê no ultrasom de novo e ficou surpresa ao ver o sexo do bebê "it's a boy", mas rapidamente voltou atrás e disse que não tinha certeza... outro ultrasom será requerido para confirmaçao!
Falou do perigo da minha gravidez num inglês quase incompreensível e foi logo pedindo outra lista básica de exames. Então foi aí que disse à ela que os exames eu faria em outro hospital, no mesmo onde consultei o médico cardiologista na cida de Ajman, GMC Hospital. Ela me olha surpresa e sinto que algo na face dela muda. Então me entrega os exames e deixa a sala enquanto eu me arrumo da mesa de ultrasom. Fico aguardando novamente "sentanda" e vejo que ela não irá voltar, pergunto à assistente se posso ir e a resposta é afirmativa.Lista de exames sugeridos: AED 1.710,00 (R$  855,00)
Vou embora.. 

Valores:
Atestatado médico: AED 60.00 (R$ 30,00)
Consulta c. desconto: AED 180.00 (R$ 90.00)
TOTAL: AED 240.00

Os mesmos exames eu fiz no Hospital GMC em Ajman custaram AED 700.00 e o ultrasom em uma clínica tambem em Ajman  custou AED 300.00. Consegui deixar de perder +- AED 700.00 (R$ 350.00).

Clinica Ibn Sina em Ajman - 23 semanas
Clínica simples, sem muito luxo, porém, serviço excelente.
Ultrasom para checar anomalia fetal muito bem feito que deve ter durado em torno de 15 minutos e muito bem explicado todos os órgãos do bebê e detalhes.


QUARTA CONSULTA - TROCA DE MÉDICA



 03 de novembro de 2013 - 26 semanas
Nacionalidade: iraniana

Dessa vez, após ser deixada na sala de consulta a ver navios, resolvi procurar uma médica de outra nacionalidade. 
Entrei e expliquei o que havia acontecido com as duas médicas anteriores mas sem causar maiores danos as duas.
Trouxe os exames de sangue e urina feitos no dia 29 de setembro e o ultrasom morfológico para ela verificar.
Observou disse que estava OK, mas não foi minuciosa. Pediu para eu ir até a mesa para checar o bebê, perguntou se eu sabia o sexo... minha resposta foi positiva, pois, no último ultrassom o radiologista me mostrou tudo. 2 minutos já estava checado o baby.

Sentou-se e começou a dizer dos perigos da minha gravidez. Eu a perguntei qual seria o método de parto se normal ou cesariana e ela foi taxativa: "essa talvez seja sua última chance de ter um bebê vai perder? Cesariana, claro". Fiquei pasma!
Começou a prescrever uma nova lista de exames, os mesmos que eu havia feito anteriormente com a adição do exame para checar açucar no sangue. Total da lista AED 1.710.00, mas esse eu não farei, veja o que fiz.

Valores
Conssulta: AED 175.00 (R$ 87,50)
Atestado médico: AED 60.00  (R$ 30.00)
 TOTAL: AED 235.00
Aqui cansei! Descobri que nesse hospital médicos ganham porcentagem em cima de cada exame pedido e feito no mesmo hospital. Por isso notei que ao verem meus exames de outro lugar elas não checavam normalmente, apenas olhavam mais ou menos...



TROCA DE HOSPITAL E TROCA DE MÉDICA



04 de novembro de 2013
Hospital: GMC
Cidade: Ajman

Primeira médica - Medicina Interna
Nome: Salwa Abd El Zaher Mabrouk Ibrahim
Nacionalidade: egípcia
Uma senhora já e experiente.

 Até aqui foram 5 trocas de médicas!
Resolvi consultá-la para checar as possibilidades de algum problema interno que esteja me levando a ter hipertensão. Fiquei surpresa pela simplicidade dela ao falar e dizer que se eu já tinha pressão arterial antes de engravidar isso não era um problema tão grave assim. 
Pediu exame de urina para checar se há alguma infecção somente.

Segunda médica - Obstetra e ginecologista
Nome: Mawahib Abd Salman
Nacionalidade: iraquiana
Professora Dra. desse hospital que também é hospital universitário

Essa foi a mais que me surpreendeu. Simples e carismática, uma senhorinha simpática disse que eu seria a primeira brasileira paciente dela. Já amei!
Disse para eu não me preocupar que para quem já tem pressão alta antes da gravidez os riscos são menores. Devendo apenas agora checar o por que do inchaçozinho nos pés, que talvez seja infecção urinária como a médica anterior já havia falado, pediu exames de açucar no sangue e urina.
Fiquei muito aliviada com as doutoras desse hospital pela clareza, simplicidade e carisma com que tratam as grávidas, outro procedimento, outro estilo.
Ah, e ela ainda pediu o exame de tipo sanguineo do habibi para deixar tudo certinho!

Valores
2 consultas: AED 500.00 (R$ 250,00)
Exames: AED 493.00 (R$ 250.00)

Ultrasom para o mês que vem somente: AED 350.00
Total parcial: AED 933.00 (R$ 450.00) - sem o ultrasom


O valor total aqui nesse hospital não chega nem perto da lista de exames do outro. Para ver que nem tudo é profissional e devemos ficar aceitando o que nos é imposto.


 TOTAL ATE AGORA SEM MEDICAÇAO: AED 5.473.00 (R$ 2.736,50) - aproximado


Todos esses valores são só os procedimentos médicos, ainda não contabilizei os gastos com remédios.

Então, você que está ou esteve grávida aí no BRASIL, gastou quanto até agora? Acho algum serviço gratuito?
Aqui não existe nada gratuito, nada. Nem pré-natal, nem exames, consultas, nem postos de saúde muito menos. E a qualidade de alguns atendimentos apesar de cobrados são péssimos.

Próximo post falarei os pacotes para a hora do parto e farei a comparação entre os hospitais.



Para 08 de novembro de 2013
Amanhã irei fazer os exames que foi solicitado. E assim vamos seguindo para ver o melhor para o nosso bebezinho, que Deus proteja ele sempre e agradeço também por haver médicos competentes que nos auxiliam em momentos de angustia.

Quero deixar esse post aqui para consulta futura e para ajudar outras mulheres que talvez esteja aqui precisando de alguma dica também.

Acima de tudo agradeço imensamente a Deus por me dar saúde e ao habibi também para podermos trabalhar e pagar todas as despesas para que nosso nenezinho venha com saúde e forte, amado já é demais.


 ********* XXX *********


Participe do Chá de Bebê Virtual do Gabriel, nosso amorzinho, e ganhe no final uma das lembrancinhas que eu guardei para você!
Acesse nossa página no facebook e preencha o formulário de participação.
Todos serão muito bem vindos! Obrigada


Cris Freitas e Gabriel ;)


Receita do verdadeiro cuscuz marroquino servido na tagine



Olá, conforme pedidos dos amigos do facebook :P
 Aqui estou para dar a receita do verdadeiro cuscuz marroquinho, que de fato, não comi nada tão gostoso e tradicional como isso. Ele tem um sabor caseiro e muito gostoso, também, é um prato de bastante "sustança" rsrrsrs. 

Você pode fazer esta receita para uma refeição do meio-dia, já que para a noite ela fica pesada, mas você pode ainda fazer um acompanhamento leve para a noite com pouco menos ingredientes se preferir.

Aqui, então, os ingredientes básicos para 2 pessoas:


Para a carne:

*Escolha uma carne de sua preferência, frango, carneiro, ou carne bovina

500 gramas da carne que você preferir
cebola e tomate a gosto para refogar
Marine a carne com limão, sal, pimenta do reino, cuminho, alho, celoba picada, paprica (se tiver).
Numa panela refogue uma cebola, acrescente o tomate e doure a carne, logo em seguida, cozinhe a carne até ficar macia. Deixe secando a água até o molho ficar grosso. Reserve.

Para os legumes:

2 cenourcas cortadas em tiras largas
2 abobrinhas verdes cortadas ao meio
1 pimentão vermelho cortado em fatias grossas
3 pedaços de abobora 

Cozinhe tudo com água e sal. Pode adicionar os legumes e vegetais que gostar, como batata, batata-doce etc... Reserve

Para o Cuscuz:


Para 2 pessoas eu uso:
2 xícaras de cuscuz de semolina de milho
2 xicaras de água fervente
sal a gosto e um fio de azeite de olive (se tiver)

Coloque o cuscuz num refratario com o sal e o azeite, despeje a água fervente e tape por 5 minutos. Está pronto! 

Agora é só montar o prato como todos os ingredientes. Parece complicado, mas é rápido e saboroso.


 
TAGINE DECORATIVA

MONTAGEM NA TAGINE 


 Tagine é essa travessa que os árabes usam.
Se você quer servir à moda marroquina autentica, você poderá usar uma tagine, que é essa peça que tanto pode servir como decorativa como para ir ao fogo se for de barro. A minha é de barro e uso no fogo como panela de barro, porém, a tagine cozinha no vapor devido ao tipo de tampa que ela tem.

PRATO MONTADO

Coloque o cuscuz na tagine e mexa com um garfo para ficar soltinho.
Arrume por cima a carne e os legumes como você vê na foto.

Fica um prato lindo e delicioso, muito saudável também

TAGINE DE IR AO FOGO COZIMENTO A VAPOR 

 
TAGINE A CARVÃO

SE VOCE NÃO TEM A TAGINE, NÃO TEM PROBLEMA, VOCÊ PODE MONTAR NUM REFRATÁRIO MESMO, FICA MUTO GOSTOSO E NÃO VAI SOBRAR NADA!! :D

Se gostou compartilhe e deixe seu comentário dando sua opinião ou tirando dúvida.

Salam!

Cris Freitas




Namoro com egípcio online e pretendemos nos casar! Será que ele está sendo sincero?




ahlan w sahlan ya gamilin

Relacionamentos online


São vários os e-mails que tenho perguntando sobre o assunto, recebo-os quase diariamente. A maioria vem de mulheres brasileiras que estão com relacionamento virtual com egípcios, sírios, libaneses e até paquistaneses (que não são árabes) que após acharem meu blog me escrevem perguntando e desabafando, muitas vezes.
Já andei escrevendo isso anteriormente e as vezes sou até um pouco direta demais, porque há casos que me assustam, as mulheres ficam num estado de desespero que eu fico preocupada. Parece muitas vezes pior que se fosse um relacionamento ao vivo e a cores. 

Acredito que por estarem a distância e por passarem muito tempo online as pessoas ficam criando expectativas, muitas vezes absurdas, sobre a outra pessoa e isso faz com que elas sofram em qualquer situação em que o outro não aparece online.

Só antes de começar a responder as perguntas que me fazem queria abrir um parenteses aqui para fazer um realce no perfil dessas mulheres (a maioria, mas nem todas) e dos moços árabes.
Elas, na maioria das vezes são maduras, acima dos 28 anos, muitas já foram ou ainda estão casadas, com filho(s) com uma certa estabillidade na vida, casa e carro... 

Eles, numa idade entre 23 e 35 anos (uma idade que no Egito considera-se "imatura" para casamento, devido a falta de condiçoes ecônomicas para assumir um relacionamento). Muitos rapazes gastam horas e mais horas online, porque muitas vezes não trabalham, é normal no Egito os homens trabalharem somente após a faculdade terminada, papai e mamãe resolvem tudo, portanto. Se trabalham, o salário mal dá para colocar crédito no celular... Muitos nessa idade são virgens, também, pois no Egito a virgindade é seriamente considerada dos dois lados, homem e mulher. Se seu namorado tem um emprego que ganhe razoalmente bem que permita ele casar, fique atenta, pois, no Egito as famílias se encarregam de arranjar os casamentos.


Mas tirando minhas próprias interpretações, vamos as perguntas mais frequentes.

1 - Conheci um egípcio pela internet (facebook, tagged, skype, etc) há .... meses e na primeira semana já estávamos apaixonados e ele me pediu em casamento e de lá pra cá me chama de "lovely wife" (esposa amada)... Será que ele está sendo sincero?
Bom, saber se alguém está sendo sincero ou não, nunca saberemos até que venhamos participar da vida dele(a) ativamente. Mas, muitas vezes podemos traçar um perfil desses caçadores de casamento online e tirarmos nossas próprias conclusões através das atitudes dele. Traçaremos um mais no final do post para vocês ficarem espertinhas (ou me odiarem de vez)   :O

2 - Como vou saber se ele é sincero ou não, pois, me chama de esposa, trata bem a minha filha/meu filho...
Bem, possivelmente ele não odeia a sua prole, não tem razão para isso, agora mais adiante assumir ela é que vai ser "pano pra manga" como dizia minha mãe. Por que eu falo isso? Óbvio! Ele por enquanto ainda não assumiu nada, não pôs em prática nada além de frases de "I love you" e "wa7ashtini awi" (sinto muitas saudades). Já vi casos em que eles gastaram anos se amando online, planejaram tudo e no final ele veio com a história: "Assumo você, mas seus filhos, não!" Portanto, já fique esperta que quando ele realmente dizer a família que quer casar com você, eles vão torcer o nariz, no mínimo, podem até a vir a aceitar, mas vai ser uma luta.

3 - Sou casada, mas meu divórcio não saiu ainda/meu marido não aceita...
Se seu namorado é muçulmano, que na grande maioria é, ele não poderá se casar com uma mulher que está casada com outro, mesmo estando serapada de corpos. Ou divorcia ou não há casamento no islam. Então, seu namorado vai cobrar isso de você, se ele realmente quer casar, se não, se for só sacanagem, ele vai dizer que não tem problema e vai brincar mais um pouco até cansar do jogo.

4 - Já mostrei minha família para ele, minha casa, meu carro, minha vida. E ele disse que vai vir ao Brasil se casar comigo...
Tem gente que me chama de negativa (que eu sei), mas presta atenção, você já mostrou sua vida para ele, já abriu uma porta para ele saber se ele pode ter algum retorno nisso ou não, então, claro, ele vai cada vez mais fundo nas promessas dele. O que não falta para esses príncipes encantados, são promessas. E sobre as circunstâncias que os países árabes e alguns outros se encontram, achar uma mulher que possa dar uma casa, estabilidade e uma entrada grátis para um país em desenvolvimento parece uma proposta ótima. Abra os olhos, muitos estão à procura de sombra, comida e água fresca e uma mulherzinha de quebra. Mas amor, amor mesmo como você pensa que é... fique esperta. O conselho nessa história aqui é, nunca mostre nada demais a eles, NADA! Nem casa, nem corpo, nada. Eles estão acostumados a conviver com mulheres tapadas dos pés a cabeça, não vai te amar menos se você não mostrar os "boobs" ou coisa pior para ele... muito menos casa, carro etc...

5 - Estamos namorando a anos (meses) e ficamos online várias horas por dia, sinto que ele me ama, mas tem semanas que ele some por dias e quando volta diz que ou morreu alguém da família ou a internet no Egito é muito ruim e cai e não volta...
 Essa só tenho que rir, me desculpem! Olha, primeiro, se o pai morreu, a mãe, o irmão ou o faraó sei la quem, isso não impede ninguém de ligar e dizer o que está acontecendo. Melhor, quando estamos tristes é que procuramos mais as pessoass que amamos para nos sentirmos seguros, pelo menos comigo é assim... Então essa história de morte ou doença, não cola! Agora, a da internet ruim... tem gente que ainda pensa que internet é coisa de outro mundo e acredita numa desculpa esfarrapada dessas. Olha, se você está com um compromisso online com alguém e já planejaram se falar todos dias pelo menos para dizer "Oi, como está?", a pessoa vai achar um jeito de ficar online, vai na Lan House, que no Egito existe aos tubos, vai na casa do amigo, manda um SMS via celular, em fim, mas sumir por dias, semanas, meses... filha, abre o olho, quando a gente quer algo a gente acha a oportunidade de realizar. Não acredite em papai noel porque não existe.

6 - Vejo que ele não entra mais no facebook, mas está online no tagged... e não responde minhas mensagens...
Aqui eu não preciso nem dizer nada, se uma pessoa te ignora é porque ela não merece mais seu respeito. #parteparaoutra

7 - Descobri que ele tem várias contas de facebook...
A maioria deles criam várias contas de facebook, skype, tagged etc... porque fazem rotatividade, começam um relacionamento em uma conta, aí partem para outro relacionamento em outra conta, mas não fecham a conta onde você está adicionada, quando quiserem de novo você estará lá, esperando por ele... Porque você sempre acredita no que ele diz. Reflita, para que uma pessoa vai criar várias contas de sites sociais? O que ela tem a esconder? E por que ela não comentou com você ou adicionou você, já que disse que vocês estão num relacionamento? Complicado eu ficar falando da integridade das pessoas que não conheço, mas boa coisa não é!

8 - Na primeira semana que nos conhecemos já ficamos apaixonados e ele me disse que vai mandar uma passagem para eu ir visitar ele...
Quando queremos convencer alguém de algo, muitas vezes, usamos estratégias de marketing. Como assim? Entenda, o cara mal te conhece, mal sabe falar seu nome, vocês fizeram juras de amor online e ele já falou em casar e mandar passagem para você. Só acredite quando a passagem chegar na sua mão! Quando o casamento estiver assinado no papel, ao contrário, esse amor explosivo de apenas alguns dias poderá explodir sua vida também! Alguns só falam que vão mandar passagem para você criar confiança nele e fazer tudo o que ele quer... inclusive mostrar seu corpo e fazer sexo online com ele, que é o que realmente muitos procuram.

9 - Meu namorado é arabe muçulmano, mas fica me pedindo para ficar nua para ele e fazer sexo virtual com ele...
Assim como no cristianismo, no judaismo, no budismo, no islamismo também existem os bons e os maus muçulmanos, os praticantes fervorosos e os "meia boca" que só dizem que são, mas não seguem o verdadeiro caminho. O verdadeiro muçulmano que quer fazer um casamento abençoado por Deus (O qual ele teme muito) jamais fará tal tipo de pedido. Poderá haver conversas entre o casal onde eles falam sobre suas culturas e suas experiências, se insinuam porque isso faz parte também do jogo de amor (não aconselhavel no islam) mas acontece... Porém mostrar nu, ou partes do corpo, expor seios, órgão sexual etc, nunca!... Compreenda que se você fez isso, com certeza, seu relacionemento não passa de uma festinha online para ele, porque na hora de ele procurar alguém para casar, vai procurar alguém que tenha respeito a si próprio e a seu corpo, muito mais as regras de Deus.

10 - Meu namorado é muçulmano e estamos namorando a ... meses, eu li que no islam NÂO é permitido sexo anal, mas ele já me pediu 2 vezes que quer fazer comigo quando nós nos casarmos... (esse rapaz é pakistanes)
Bem, essa questão foi a mais forte que eu recebi, porque, geralmente os egípcios, sírios etc, não chegam tão longe. Mostrar um ombrinho, os "boobs" já é grande coisa para eles. Mas, a questão do sexo anal realmente me pareceu capciosa. Bom, como eu já expliquei num post anterior, sexo anal e sexo durante a menstruaçao e pós-parto são algo abomináveis no islam. Abomináveis mesmo. Se um cara lhe pedir isso, mesmo fora do islam, sabemos que esse tipo de sexo pode até dar prazer ao homem (relativamente) mas trazer outros problemas e complicações, como infecçoes e para mulher muita mais que isso. Além de ser um lugar altamente contaminado por bactérias, causar vários problemas de saúde para mulher e ainda não lhe dar nenhum benefício, o homem estará pensando só nele, indo ao contrário ao que Deus pediu. Outra coisa bem visível nesse caso, provavelmente o rapaz já vem tendo relações desse tipo com algum amigo, para pedir a uma mulher tal coisa, pois, no islam não é permitido sexo fora do casamento, se um rapaz que nunca fez sexo por vias normais, se relaciona com uma mulher online e já vai logo pedindo sexo anal com ela é porque algo errado tem. Eu deletaria ele e faria questão de nunca mais lembrar que conheci um "enrustido". Sorry for that!

11 - Conheci um sírio online a poucos dias, no início era amizade, mas depois ele começou a me chamar de "sweet" e quer vir morar no Brasil. Ele mora em Dubai e disse que eu sou linda, será que posso confiar?
Bom, esclarecendo, nem todo mundo que mora em Dubai é rico. Então, nesse caso, seria melhor levar mais adiante e ver até onde ele quer ir, porque querer ir morar no Brasil com poucos dias de relacionamento não me parece algo que cheire bem. 

12 - Conheci um homem online, ele é do Pakistão, casado e tem 3 filhos, sou viúva, tenho filhos. Eu sei que no islam é permitido o homem ter mais de uma esposa, então ele me fez a proposta de se casar comigo, vir morar no Brasil e ir visitar a outra esposa e filhos a cada 2 anos.
Olha, desculpe a minha falta de entusiasmo em responder essa, mas um pouco de auto-estimo e valorizar-se não custa nada a ninguém. Vocês sabem o que é o Pakistão? Como as mulheres (grande maioria, vivem lá? Como os pakistaneses que vivem no pakistão, que ainda não sairam de lá e não se educaram pensam? Então, se informe bem sobre o assunto antes de começar qualquer relacionamento com pakistaneses, os de cabeça fechada, claro, tem os que já sairam do país e se desenvolveram, estudaram... Outra coisa, qual a mulher que se dá o mínimo de valor, que se ama, que se respeita, vai aceitar a ser a segunda esposa de um homem? Sendo ele rico ou não...sendo ele pakistanese, egipcio, líbio, etc... Reflita! Veja em que situaçoes um homem pode ter mais de uma esposa, se informe primeiro.


13 - Tenho um namorado online do Cairo, viajei para o Egito e fiquei em um hotel la, tudo por minha conta, pois ele ganha pouco. Só o via depois do trabalho e na maioria das vezes eu quem pagava as coisas...
Como já cansei em repetir, muitos estão online caçando alguém para bancar e para ter sexo(virtual ou real). No islam não é permitido ter sexo fora do casamento, entao muitos começam a chama-las de esposa desde os primeiros contatos para se sentirem limpos. No Egito, ao visitá-los, muitos arranjam um casamento "de mentirinha", fazem elas assinarem um papel escrito em "árabe" (comédia) e transam até não poder mais e muitas acham que estão realmente casadas. Depois elas vão embora do país e tudo virou uma linda estória de amor e foi a transa mais cara da vida delas e melhor (ou pior) bancada por elas! Isso é que é amor!! 
Sobre as condições financeiras dos homens no Egito eu já nem preciso mais falar, acredito, só ligar a TV e todos vêem como o país se encontra.


 14 - Meu namorado me pediu dinheiro a primeira vez porque disse que estava com problemas e eu enviei, agora tenho que mandar sempre porque eu o amo e vejo que ele não trabalha e está passando por necessidades...
Você está brincando comigo, né? Só pode ser brincandeira! Nunca, jamais envie dinheiro nem que ele esteja preste a ser despejado. No islam o homem que aceita dinheiro, ajuda de mulher não tem honra. A mulher é que deve ser presenteada com ouro, seda, jóias para mostrar o valor que ele dá para ela e se for ao contrário, isso mostra que ele está querendo estorqui-la, enganá-la. Não seja burra, idiota de ficar bancando marmanjo estrangeiro, só para receber migalhas da atenção dele. Valorize-se, ame-se, seja uma mulher de respeito! Quem se vende não merece ser comprado. wallahy!

15 - Nos conhecemos online e eu fui ao Egito conhecê-lo e nos casamos lá, ele foi muito atencioso comigo, eu comprava de tudo para ele. Voltei ao Brasil para cuidar de negócios e quando retornei ao Egito ele nem se quer me olhou. Agora ele não quer dar o divórcio. (A mesma história aconteceu, porém, no Brasil, ele foi ao Brasil e depois sumiu)... histórias se repetem.
Bem, nesse caso, as mulheres mais maduras estão cansadas de relacionamento descartáveis, como os que vimos no Brasil e procuram alguém carinhoso, especial, religioso... Muitas quando conhecem um homem do islam acham que tudo isso vão encontrar nele e confiam até a morte. Então um belo dia eles mostram o lado negro deles. Usam elas, tiram tudo que elas tem, muitas vezes traem e depois a ignoram, a pior parte eu acredito, porque nada pior para uma mulher apaixonada do que ser ignorado pelo homem que ama. Isso significa a morte para ela, crises de depressão e baixa-estima. Muitas não conseguem o divórcio facilmente, porque muitos deles querem ter uma entrada franca no Brasil ou outro país de onde ela seja nativa. Não é por amor que eles não querem dar o divórcio e sim por interesse dos benefícios que terão ao serem casados com uma estrangeira, principalmente as que são de país desenvolvidos ou em desenvolvimento, como no caso do Brasil. Elas são o passaporte da felicidade para eles, nada mais e para elas, eles são uma promessa de amor eterno que virará pesadelo. Tome cuidado nos pedidos de casamento com muita antecedencia. Nos pedidos de ir morar no Brasil para casar.

16 - Conheci um egípcio no face e ele me pediu em casamento e mudou o status para "em um relacionamento". Ficamos horas online, mas essa semana ele nao deu notícias, não apareceu...  Será que ele me ama?
A história de desaparecer eu já falei lá em cima. Quanto ao mudar o status do facebook isso não quer dizer nada, porque muitos têm várias contas e ninguém sabe além dele... Nesse caso tem que ter paciência...





* F * I * N * A * L *

Bem, habibas lindas, meu post ficou grandinho, mas ainda não coloquei todas as dúvidas que são enviadas para mim. Caso vocês querem saber de algo, por favor me escrevam, e eu responderei via email. Nunca menciono nomes, com certeza, mas vocês se acharão dentro dos posts de faço, porque muitos dos casos se repetem, as histórias são as mesmas, só mudam os nomes.
Não fiquem bravas se eu as vezes sou um pouco debochada :D , isso faz parte da brincadeira, mas se me conhecerem pessoalmente vão ver que sou pior hehehe brincandeira!

É que algumas dúvidas que surgem são óbvias e as mulheres já são vividas, maduras, mas começam a ter delírios de cinderelas, entendem? Não existe contos de fadas, os árabes são bem claros quando se trata de interesses e negócios e casamento muitas vezes para eles é visto como tal.

Se o rapaz logo de cara já disse que vai mandar passagem aérea, te chama de "wife" (esposa), diz que quer ir ao Brasil se casar com você, pede dinheiro, quer fazer sexo virtual e pede para você mostrar-se nua ou semi-nua para ele... fique com várias pulgas atrás da orelha. E tenha certeza que com o tempo você terá surpresas...

Não compare relacionamentos, nem os que deram certo nem os que não deram. Cada caso é um caso. 
Compare, sim, as estatísticas levando em consideração as atitudes deles, o comportamento principalmente. Não são poucos so blogs que tem que explicam e falam sobre o assunto, use blogs confiáveis. Casos onde o escritor tem bases  para falar, não escute blogueiros que se baseiam em "achismos", principalmente os que falam do islam sem ser muçulmano.

E nunca esqueça, nunca, muitos estão online 24 horas à procura de uma masturbação e, quem sabe, de um dinheiro extra! Não devemos generalizar mas devemos observar os comportamentos.

Um relacionamento sério não deixa dúvidas, não magoa, não ofende, não desrespeita. Se ele for muçulmano jamais pedirá coisas pervertidas à mulher que será esposa dele. Esse é um príncipio e não uma exceção. Ciúme poderá haver mas não os que dão piti e somem por dias como falei acima, tudo se resolve na mesma hora. Nada fica às escuras, ele mostra a família, dá o telefone de casa e pessoal, endereço, e tudo mais onde você poderá encontrá-lo. Também sempre deixará claro como um bom muçulmano deve se comportar e como quer que sua esposa seja.

No mais, aguardo comentário, críticas boas ou ruins e depoimentos.

maa salama!

Cris em Dubai 




É obrigatório trocar de nome ao se converter ao islam?





Assalamu'alaikum warahmatullahi wabarakatuh
Possa a paz, a misericordia e a benção de Allah esteja com você



Antes de escrever esse texto pensei e repensei muito, pois, não quero falar nada que seja contra a palavra de Deus. Mas também não quero que pessoas me influenciem a fazer coisas que não estou preparada ou não quero fazer se tiver dentro da lei de Deus. Explico:



Me chamo Cristiane Regina de Freitas, nasci e cresci no cristianismo até dois anos atrás. Minha mãe me deu esse nome porque gostava, não procurou saber o significado antes de me dar, talvez tempos depois ela tenha sabido o que isso significa, mas antes de me dar não pesquisou e se tivesse pesquisado não teria achado nada de errado dentro da religião que ela escolheu para seguir ou nao teve opção de conhecer outra para mudar, se fosse o caso.


Após ter me convertido ao islamismo quando alguém pergunta meu nome e eu respondo em bom sonoro tom: Cristiane, eles me olham estranhos e perguntam em seguida: você não mudou seu nome?

Então, eu com toda "paciência" que tenho, sorrio e falo em mais e melhor sonoro tom: "Não, não mudei porque não precisa! Eu amo o meu nome e vou permanecer assim até morrer, inshallah!" Eles me olham e seguem o caminho deles que é a coisa melhor que fazem.

Vamos lá a questão aqui não é tão somente meu nome, que depois de pesquisar descobri coisas que vai tapar a boca de muita gente que tentou dizer que meu nome era anti islamico, Deus que me perdoe!


Antes de eu mostrar dentro do Alcorão onde diz que não somos obrigados a trocar nossos nomes, salvo em algumas circunstancia especiais, vou mostrar o que achei sobre o nome Cristiane, para acabar de vez com essa história. E se você for como eu que não aceita qualquer coisa que te dizem e que luta pelos direitos vai fazer o mesmo antes de mudar seu nome, uma coisa que já faz parte da sua vida e implica intimamente no seu cotidiano. Pesquise sempre e discuta sempre!

Origem do nome Cristiane: Latim (portanto não é árabe!) já sabia disso...

Significado do nome Cristiane pelo dicionário Priberam da Língua Portuguesa:
ungido

adj.
1. Que se ungiu.
2. Fomentado com unguento.
3. Que recebeu a extrema-unção.
4. A que se aplicou a cerimónia da sagração (falando-se de reis).
s. m.
5. Aquele que foi ungido.

ungir -

v. tr.
1. Untar com substância oleosa.
2. Friccionar com unguento ou substância gorda.
3. Aplicar óleos consagrados a.
4. Purificar; sagrar.
5. [Figurado] Repassar de unção.
6. Purificar; corrigir; melhorar.




Mas sabendo disso agora, o que eu quero mostrar é que muitas pessoas linkan os nomes que começam com "Crist" ao cristo, Jesus. Cristo é um título que significa "ungido", portanto.

Indo mais além agora, gostaria de saber por que essa aversão ao nome de Jesus, já que ele foi um dos profetas de Allah? Vejo muitos árabes usando o nome Isa que siginifica Jesus em árabe, Abraão, Isac, Jacob (todos nomes importantes)... Veremos mais a frente que é cultural o problema e não exatamente o que foi dado como obrigatório fazer.

Acredito mais que seja por ignorância e falta de pesquisa de muitos que acham que nomes que se iniciam com Crist sejam algo contrário ao Islam, que Deus me perdoe.


Agora aos textos que traduzi de sites em inglês, porque sites em português tem muitos que dizem sempre as mesmas coisas e ainda acrescentam coisas que não tem base nos livros como Alcorão, Sunnah do Profeta, Hadiths e Shariah (lei islâmcia). Antes disso ainda, conversei com meu marido muçulmano desde nascido no Egito e formado em Leis pela Universidade de Direito de Alexandria, portanto conhecedor da Shariah.

"O Alcorão Sagrado estipula:


"Ó fiéis, que nenhum povo zombe do outro; é possível que (os escarnecidos) sejam melhores do que eles (os escarnecedores). Que tampouco nenhuma mulher zombe de outra, porque é possível que esta seja melhor do que aquela. Não vos difameis, nem vos motejeis com apelidos mutuamente. Muito vil é o nome que detona maldade (para ser usado por alguém), depois de Ter recebido a fé!" (Alcorão 49:11)

Esta é realmente a única liminar dada pelo criador quando se trata de nomes no Alcorão Sagrado.



Devo mudar meu nome Se eu me converter ao Islã?



É importante notar que o Islã é uma forma de vida, é uma fé de provas e evidências. Quem quiser fazer uma reclamação ou decreto religioso, em nome do Islã deve fazê-lo mediante o acordado métodos para estabelecer provas e evidências no Islã.

Agora, quando alguém se aprofunda no Alcorão Sagrado não vai encontrar nenhum edital ou comando dizendo que as pessoas mudem seus nomes.
Agora pode-se usar um argumento interpretativo afirmando que Deus realmente nos pediu para afastar um mau caminho ou mau caminho para algo que é melhor, no entanto, seria uma verdadeira extensão interpretativa de estender isso para nomes. No entanto, uma vez que este pequeno ponto pode ser exacerbada por muçulmanos que querem impor restrições culturais sobre os outros, devemos voltar-se para o exemplo do período inicial do Islã e que o Profeta (saw) fez em relação com seus companheiros.
Sabemos que no período inicial do Islã pessoas como Uthman, Umar, e Abu Bakr definitivamente adoraram ídolos. Por este sinal eram infiéis. Eles eram adoradores de ídolos. Então, o que percebemos é que, quando eles tomam o Islã como sua fé Uthman, Umar e Abu Bakr não mudaram seus nomes para qualquer outra coisa.


Muitas pessoas têm nomes como Madhavan (o filho que já esperavam), Jonathan, Michael, Sarah, Suzanne, Eric, Leong Tan e assim por diante. Nenhum desses nomes precisam ser, ou mesmo deve ser alterado após abraçar o Islã.


Muitas vezes, quando me apresento para os muçulmanos nascidos depois de trocar as saudações de paz, eles pedem o meu nome. Quando eu lhes digo o meu nome eles dão um passo para trás e dizem: "Qual é o seu nome muçulmano?".

Eu informo-os que meu nome é Jason e eles ainda parecem em estado de perplexidade.

Eu que informá-los que meu nome é Jason e eles ainda parecem em estado de perplexidade.

Esta é uma oportunidade maravilhosa para educar os outros. Assim, quando me perguntam sobre meu nome, eu vejo isso como uma bela oportunidade para educar os colegas muçulmanos sobre um assunto que eles não podem ser desinformados.


No entanto, você ainda vai ter sogro, ou sogra, que reclamam sobre como eles gostariam de voce ter um nome mais arabizado. Deixe-os ser se essas pessoas forem tão hostis sobre a questão, mesmo em face de provas e evidências (que eles desconhecem) talvez seria melhor não se casar em tal família. Você pode querer re-pensar em casar-se nessa família. Deus sabe melhor!




Então, vendo que podemos pesquisar através do Alcorão Sagrado nos deparamos com nada sobre mudar o nosso nome.



Agora podemos voltar para as fontes secundárias, também conhecido como o "Sunnah'- prática do bendito Mensageiro (saw). É dito que as pessoas vão trazer seus filhos ao Santíssimo Mensageiro (saw) e pedir-lhe conselhos para nomear seus filhos.


Isso era pelo grande amor e admiração que eles tinham. Quem melhor para nomear uma criança do que um mensageiro de Allah (saw).


Nomes informados que foram mudados pelo profeta (saw): Em ingles aqui.


Eram de 3 categorias:


a. Nomes com significados ruins


Por exemplo, o Profeta mudou o nome que Khuzay (um membro do Ansar) deu a seu filho e lhe disse: "Dê-lhe o nome Munthir". O Profeta também mudou o nome Al-As, Aziz, Atalah, Shaytan, Hakam, Gurab, Habab e Shihab. Shihab foi mudado para Hisham, Harb (guerra) para Silm (paz) e Al-Mudtaji (aquele que mente) para Al-Munbaith (aquele que fica de pé), o Profeta também mudou o nome da terra Afrah (estéril) para Khadrah ( verde) e Shi'b ad-dalalah (o caminho da montanha de rua) para Shi'b al-Huda (o caminho da montanha de orientação) Banu az-Zinyah (filhos de prostituição) para Banu ar-Rushdah (filhos daqueles na caminho certo) e Banu Mughwiyah (filhos de uma mulher que seduz e se perde) e chamou-os Banu Rushdah (filhos de uma mulher que está no caminho certo).

Estes nomes, sem dúvida, foram alteradas pelo Profeta por causa de seus significados feios; Hubab, porque isso significa uma espécie de cobra ou Shaytan e Shihab que significa queimar como fogo. É um fato que algo de se ouve repetidamente, mesmo que seja ruim se torne normal. Um ditado que é mantido dentro das fronteiras é menos prejudicial, mas se o mesmo for utilizado livremente em uma base diária, tornam-se uma prática normal, e seria muito mais dano.

Nomes como Aziz, Kadir e Sammad, olhando acima não são aprovado e não devem ser usado como Abdul-Aziz, Abdul Kadir, Abdussamad. Estes são os nomes de Allah e, ​​portanto, não deve ser escolhidos. O Profeta mudou de nome deste tipo. Por exemplo "Aziz", um dos nomes de Allah, por si só não é um nome adequado, mas deve ser Abdul-Aziz. Aqui 'Abd' significa 'servo', portanto, o servo de Allah.

b. Os nomes de um significado bom mudado para um nome melhor:

Entre alguns dos nomes alterados pelo Profeta também eram nomes com significados bons, mas quando olhamos para esses nomes, ele nem fez uma má impressão sobre seus donos ou as pessoas ao seu redor. Por exemplo, o nome Barrah (justo, obediente) foi alterada pelo Profeta para Zainab "Deus sabe os bons entre vós", que significa não pense que com o nome Barrah você está entre o bom, portanto, não se justifica, Allah sabe melhor do que todos os bons entre vós. De acordo com o hadith, antigo nome de Zainab bin Ebi Salame foi Barrah e as pessoas ao seu redor, disse que "por que ela está a dar-se o prestígio da piedade". Ouvindo isso, o Profeta mudou seu nome, o que significa que este nome não era um nome ruim, mas que os nomes com o significado de 'orgulho ou arrogância' não eram adequadas, pois alguns nomes afetam as características de algumas pessoas como neste trecho, portanto, não justifique a vós, ele sabe melhor quem é que protege contra o mal.

Nós também temos que entender que, quando discutimos sobre a prática da Sunnah do Santíssimo Mensageiro (saw) precisamos entender que havia coisas que ele fez, que foram enfáticas, no sentido de que você deve fazê-lo, e as coisas que ele não fez participar, que não foram enfáticos: ou seja, você também deve evitá-lo.

Por exemplo, havia certos alimentos que os companheiros comeram como lagartos que o Profeta (saw) não gostava, mas ainda assim não proibiu as pessoas de comê-los.

c. Nomes contra a unificação:

O Profeta deixou claro que os nomes Abdullah e Abdurrahman dadas aos recém-nascidos com o significado de unidade e servo de Deus eram os nomes mais apreciados por Allah, mas nomes com o significado oposto, como "Malik Al-Amlak (rei dos reis ) "estavam entre os nomes detestados por Allah , porque" não há outro rei senão Allah ". Como podemos ver, este tipo de nome é contra a unidade de Deus e é uma forma de contrariar.

...

Algumas linhas sem relevância para o nosso assunto.

Meu testemunho pessoal (do autor do artigo: Must I change my name if I convert to Islam?)

Finalmente eu vou te dar o meu testemunho pessoal. Ao abraçar o Islã eu escolhi o nome Ibrahim mas eu nunca mudei legalmente pelo nome de Inglês Americano. Peguei o nome Ibrahim, porque era um nome aceitável para os judeus, cristãos e muçulmanos porque eu procurei ser diplomático.

No entanto, desde que eu encontrei a cara infeliz de "cultura do Islam" e devido ao fato de que eu senti muitos muçulmanos (grupos e facções concorrentes) se aproveitando da minha ingenuidade da religião eu voltei a usar meu nome em Inglês americano.

Meu certificado Shahadah (emitido pela Sociedade Islâmica da América do Norte) tem o meu nome Inglês Americano sobre ele. Isso é 100% perfeitamente aceitável pelas autoridades Hajj em Meca na Arábia Saudita. Meu nome não apresenta dificuldades em fazer a viagem a Meca.

Você vê muitos de nós, como os norte-americanos, sul-americanos, europeus e africanos têm nomes bíblicos ou nomes do "Ahl Kitab '.

Para provar meu ponto que algumas pessoas levam isso longe demais. Digamos, por exemplo, seu nome é Sarah, ou Jonathan, ou até mesmo Jesus, embora estes nomes completamente aceitável no Islã, ele ainda não é suficiente. Eles vão pedir-lhe para começar a pronunciar Sarah com um forte H. Jonathan será alterado para Yahya. Jesus será alterado para 'Isa, porque não importa o que o nome é, deve ser um "nome islâmico Arabizado".

Islam foi capaz de se espalhar rapidamente por toda a África, Ásia e Europa, porque não procuraram fazer as pessoas árabes, procuraram trazer as pessoas para o conhecimento do seu Senhor.

Para aqueles estrangeiros indiano, chines, Europeu, Africano e de outros países vocês precisam descobrir o que seu nome significa ede que linhagem o seu sobrenome procede. Se, após abraçar o Islã você sentir que seu nome contradiz o espírito e os ensinamentos do Islã em todos os meios eu incentivo-o a mudar seu nome.

No entanto, como costuma ser o caso de que muitas vezes já ouvimos nomes falados em coreano, chinês, Zulu e húngara que significa "forte", "o sol nascer 'o belo' e assim por diante. Mash'Allah estes são nomes islâmicos. Estes também são os nomes mais provável dadas a você por sua mãe. No Islã a grande ênfase é colocada sobre dar o respeito para com nossos pais.

Se alguém pode contestar as afirmações feitas por mim, você é livre para fazê-lo na seção de comentários.

Todo louvor a Deus em tudo o que eu disse que é bom e benéfico, e só os erros são meus."

Aqui terminou o texto que traduzi, que Deus me corrija se eu estiver errada, mas tenho visto muitas pessoas, principalmente egípcios (não todos conforme falei do meu marido que concorda com minha tese), que não abrem suas mentes por motivos culturais e querem impor a pessoas que vêm de outras culturas que sejam obrigados a arabi-islamizar seus nomes. Não somos árabes, muitos não nasceram muçulmanos, nossos pais e famílias, muitos nem sabem realmente o que islam é, portanto, se você não quer mudar seu nome e seu nome nao agride em nada a doutrina do islam e não ofende a Deus, você NÂO precisa mudar seu nome. Como tenho visto pessoas que ao entrar no islam já trocaram de nomes várias vezes... Nome não é roupa. Sim, uma identidade, que você se reconhece desde que nasceu, emitiu documentos com ele e fez negócios e tudo mais, portanto existe uma vida por trás disso. Deus ao mostrar o islam para nós não nos obrigou a sermos árabes, ele fez vários continentes diferentes, várias línguas, várias culturas, portanto, não impôs que falássemos árabe, que tivessemos nomes árabes e que nos virássemos para uma cultura que não é nossa. Devemos sim, fazer nossas oraçoes em árabe e ler o Alcorao em árabe, para que a verdadeira palavra de Deus nunca mude e essa foi a língua escolhida por Ele para tal.
Mas não se sinta mal se você se chama, Clara, Alice, Fernanda, Larissa ou até mesmo Cristina. Deus sabe mais.
Se você se converteu ao islam e pretende ter filhos, então pense no significado do nome dele, que não tenha um significado jocoso, ruim, amaldiçoante, e que denigra a Deus.
Mais importante ainda, se você for morar em países como o Egito, altamente fechados a cultura deles e radicais, não mude seu nome por imposiçao da familia do seu conjuge somente porque querem um nome islamico, o nome é seu, a vida é sua, converta-se ao islam, mas Deus não disse que todos têm que mudar de nome. Tenha sua personalidade, Deus sabe mais, homens nem sempre.
Muitos vão alegar que você deve ser reconhecido como muçulmano! Não se engane, para você ser reconhecido como muçulmano você não precisa de um nome islâmico, você precisa de muito mais, fazer suas oraçoes, conhecer os 5 pilares principais do islam, fazer caridade e honrar a Unicidade de Deus em primeiro lugar entre outras coisas...
Muitos mudam de nome só para indicar algo mas que na verdade não se comprometem a nada dentro do que o islam pede. Não seja hipócrita.

Ter um apelido islâmico dentro de uma comunidade islâmica é algo que depende de você, não de outros.

 Finalizando:

Só se pode mudar o próprio nome, mas não se pode mudar o nome de família ou nome de nossos pais, a menos que eles estão vivos e aceitar a mudança. Assim, o novo muçulmanos devem mudar seus primeiros nomes, se contiverem significados errados ou ruim. Tanto quanto seus sobrenomes estão em causa não deve ser alterado, pois ele também é proibido no Islã para levar o nome de outra pessoa que não o próprio pai biológico. Allah diz no Alcorão: "Proclamar a sua verdadeira paternidade Isso será mais justo aos olhos de Deus e se você não conhece seus pais, então eles são os seus irmãos na fé. ...". (Al-Ahzab: 5 )
Aqui alguns vídeos em inglês que falam sobre o assunto
http://www.youtube.com/watch?v=-4y0OnwSgK4

http://www.youtube.com/watch?v=O7uhVgwf1us

http://www.youtube.com/watch?v=-u1115MjGaY

DESTAQUE

Brasileiras e Egipcio, verdades e mentiras no amor virtual

Ultimamente tenho recebido emails e falado com muitas pessoas que se relacionam pela internet. Geralmente são brasileiras com estrange...