domingo, 12 de janeiro de 2014

Brasileiras e Egipcio, verdades e mentiras no amor virtual



Ultimamente tenho recebido emails e falado com muitas pessoas que se relacionam pela internet. Geralmente são brasileiras com estrangeiros, não só egípcios, mas paquistaneses, indianos e afins...


Aqui em Dubai eu trabalho no aeroporto, isso me dá um leque grande de amizades com estrangeiros, entre eles indianos, filipinos, tunisianos, egípcios e árabes no geral. Com isso, claro, tento observar qual a conduta deles e qual a conversa... Com certeza tenho ouvido muitas coisas e visto também.

Mas o que quero mostrar nesse post não é o lado ruim do que tenho visto ou escutado e sim, passar para as leitoras principalmente, como funciona a cabeça dos homens do ládo de cá e a cultura que levou eles a isso. Óbvio, nunca generalize nada, pois, para cada via de regra sempre existe excessões.

... Não vou citar nomes e nenhum dado será passado que cause problema, os casos são idênticos, então, se a carapulsa servir não fique chateada porque você não é a única, fique feliz ou infeliz por isso.

Meninas do Brasil inteiro têm entrado em contato com rapazes de outros países, e eu não sei porque, talvez porque o meu foco é aqui nas árabias, vi que tem crescido muito o caso de relacionamentos com os árabes entre mulheres brasileiras.
Há casos que o relacinamento não passa de um "I luv u" (eu te amo) no msn, aí entra outra pessoa mais atraente e o cara "sundely" fica offline porque a "internet" do país dele é "ruim", e há casos que viraram casamento, como é o meu e de outras meninas que conheci.

Algumas meninas vão ao Egito conhecer o cara... e geralmente a surpressa é grande. 
Umas, a família pedem prova de virgindade no dia do casamento... Acreditem, colocar uma toalha embaixo do lugar do ato sexual para o sangue manchar a toalha e aí o garanhão sair só de cuecas mostrando o troféu aos convidados não é só cena de filme épico... Isso ainda é praticado no Egito, como tenho escutado.

Mas aí vem a questão. Qual lugar do Egito e que tipo de família? Geralmente as famílias mais tradicionais do interior do Egito, principalmente agricultores, fazem isso e são bastante restritos nesse quesito. A menina tem que ser lacrada, se não o garanhão vai devolvê-la sem direito a restituição de danos morais. Mas já as famílias do Cairo, Alexandria e Sharm Sheikh, lugares dito turísticos, não praticam tal "exigência". Isso também depende da classe social e da educação que a família está inserida. Quanto mais baixa a classe, menor é a informação e maior é a ignorância, isso não só lá, mas no mundo inteiro.

As famílias que já estão mais socializadas, não fazem tal exigências e são muito coerentes, se a moça for estrangeira, se for egípcia a regra continua.
Se  eles começarem com blá, blá, blá. já fique com o pé atrás.


Como saber se a família tem educação boa e um nível social razoável. 
Simples, conversando com o sujeito, você vai observar a casa dele, o quarto, a roupa que ele usa (muitas vezes não usa, né?), a cara da família, mãe (a roupa que ela usa), pai, etc... Por que estou falando isso assim? Para algumas pessoas temos que falar com todas as letras, porque se não a mensagem não é entendida.
- Ahhhh mais isso você pode estar sendo preconceituosa!! (algumas vão falar)
- Preconceituosa uma OVA! - quando se trata da sua vida você tem que ser bem esperta e se pra isso você tem que observar até o céu da boca de alguém, então o faça! Em matéria de relacionamento a distância, todo cuidado é pouco. Roupa, atitude, costumes, familia, dizem muito!

Por que observar roupa e família é importante e não é preconceito? 
Pela roupa do cara e família você já vai ver se ele frequenta bons lugares, se  tem um circulo de amizade mais atualizada e tal e se INFORMA mais. E a família você já vê se eles vem do interior ou da cidade. 
Na Alexandria e Cairo, as lojas de roupas são bem modernas, os egípcios desses lugares usam roupas mais normais, como a nossa, nada de muito xadrez, lenços estranhos na cabeça, etc... O uso de abayas e canduras não é comum ver, mas existe, porém, egípcios de um nivel mais sociável tentará usar roupas modernas e não baratas.
Olhe a qualidade e forma de se vestir e verá de onde vem o figura, é um dos pontos a serem observados. Muitos dizem ser do Cairo, mas moram nas imediações onde a cultura é bem fechada também e pela roupa já podemos ver isso.
Mas porque isso é importante, de novo? Se o rapaz tem dinheiro, tem como se informar melhor em boas faculdades, tem como sustentar um casamento, e a cabeça não é tão fechada. O problema todo é a cabeça fechada, Cultural, informativo.  Dizer que todas as brasileiras são prostitutas é caso de ignorância crônica e só se cura com transplante de cérebro.

A vida em casa:

Na Alexandria, pelo que vi, as casas são normais, com cozinha com mesa, pia, fogão etc. Então, ver fotinho da sogra cozinhando em lugares estranhos, manipulando comida sentada no chão, usando roupas estranhas, do Cairo e Alexandria não é, porque pela morrrr, assim não dá, né? Nem minha avó que tem mais de 80 anos não faz isso! E isso não é cultura...é outra coisa.

A faculdade:

No Egito faculdade é coisa normal de se fazer. Mas existe pontos a serem considerados. Existem as universidades pagas e as públicas. Se o cara tem uma família que realmente preza por educaçao e informação, eles vão pagar a facul, mas se a família já não é tão informada assim, por que se preocupar com besteira, né? Faculdade pública pro bonito! As vezes eles até têm dinheiro, mas a mentalidade não muda de um dia para o outro. É a mesma coisa que tirar uma pessoa da favela, comprar uma casa no Morumbi, dar uma Mercedez, levar ela para Paris e comprar alta moda... Vai levar um tempo para ela deixar de gostar de certas coisas como escutar funke beber cerveja na lage... É ou não é?  


A internet nos países de cá

No Egito não é permitido beijar na boca, andar de mãos dadas, fazer carinho, amassar, encostar no muro e dar uns trancos, nada! Eu disse NADA! Quando o cara e a garota querem casar a família vai na casa uma da outra para "acertar" o casamento, pão-pão, queijo-queijo. Preço do anel, do apartamento, disso e daquilo. E tem que ser como ELA quer, se não, NÃO! E vou te dizer, sai caro casar no Egito. Tem que ter festa, apartamento imobiliado, anel de noivado e casamento  (quanto mais caro mais o amor é grande)  e dos bons.
Então por que a internet é importante num país assim?
hahaha simples! Os caras não podem dar uns amassos na idade em que os hormônios estão, como dizer..., mais aflorados, nada é permitido... O que resta? A INTERNET! Masturbação de graça pra todo mundo! Mulheres do mundo inteiro a procura de amor de novela e eles a procura de uma gozada! Não tô exagerando. Até ver um decote mais ou menos, pra eles é coisade louco.
Tem os meninos direitos que nunca querem ver nada, também não mostram nada. Como disse não generalize. Mas a maioria só procura diversão, sim, na hora de casar vão fazer o que os pais disserem.
Mas a religião quanto a isso é restrita. Então se o cara pediu pra ver seu "biquinho", seu popozinho... Hummm algo está errado e não precisa ficar com dúvida, porque está! Se fizer isso já sabe, vai te usar pra se satisfazer e nada mais. Ele vai te dizer que te ama, te morre por você... mas ele diz pra outras trambém, e vou te dizer o "menu" é extenso.

O perfil deles e delas

A maioria são mulheres vividas, experientes, como idade madura. Os caras na maioria dos casos entre 22 e 35 anos. No Egito é normal os caras casarem quase entrando nos quarenta pelo fator que eu falei acima, casamento caro.
 Eles prometem amor eterno, e elas se propõe a pagar as custas de tudo ou quase tudo porque não se importam com meras futilidades. Mas na cultura deles essa futilidades tem valor, acredite. Mulher tem que se valorizar. Você vai pagar tudo e ainda vai ser a arrumadeira da casa, se bobear. 
Tem os casados que usam internet pra diversão também... Solteirinhos da Silva.

Vejo caso em que a internet do bonito está sempre "caindo"... As vezes ele fica dias sem aparecer... Internet ruim! É! Será mesmo? Ou foi porque algo mais interessante entrou online... Geralmente,  eles têm Facebook, Skype, Yahoo, Msn, Netlog, Livemocha, Busuu, e outros sites sociais árabes, todos recheados de russas, britânicas, americanas e porque não, brasileiras. Muitos deles, têm várias contas. Tem um amigo meu, sírio, que tem somente três Facebooks... Ele me disse: um para a família, um para amigos e um para, adivinha, garotas! E ele tem uma namorada dos EUA.

Quanto maior o peso do passaporte, maiores as chances da "internet" não cair. Acredite! 

Outro dia a empresa que trabalho contratou uma garota britância. Não demorou muito para ela ter uma penca de caras rodeando com historinhas da mais diversas... Ajudar, falar com o colega do lado para ficar perto dela, dar uma de bom moço e tal. Um amigo tunísiano me disse na cara dura: "Tenho vinte e sete anos, não quero me casar, mas se tiver vou escolher uma "british" por causa do passaporte. Juro pelas uvas da vovó.


Trabalho e emprego 

Os árabes não são muito de esquentar a cabeça no trabalho como vejo com meus colegas. Dá o sinal da oração e tem uns que se mandam pra mesquita em passos de tartaruga, o pau comendo no balcão e os outros que se virem. Ok, primeiro Deus, mas nós podemos orar nos horários vagos, não precisamos fugir do pega-pra-capar, porque Deus sabe mais das nossas necessidades e o trabalho dignifica o homem.

No Egito é normal ver os pais pagando tudo para os bonitos até depois dos vinte anos, e alguns até depois dos trinta.
Alguns quando casam... pegar no pesado... hummmm a mulher tem que "dar em cima" se não, não vai. Os homens estao acostumados a terem tudo na mão porque a mãe deles faz assim, então, você vai ter que fazer também. 
Ajudar a limpar a casa, hummmm espera sentadinha. Ou você conversa sério e diz que você vai parar de trabalhar fora e parar de ajudar com despesas porque a casa ta virando um caos ou você vai ver prato empilhado na mesa até o teto. Eu falo por mim. :D

Tem a história de uma das meninas que conheci que ela foi ao Egito, chegando lá tiraram o celular e o laptop dela e deram a casa pra ela limpar. Quiseram confiscar a escova de dente dela porque escovar dentes não é importante... E ainda quando saiam trancavam a porta pra ela não sair. Isso porque ela foi só pra conhecer o cara pessoalmente e quiçá, marcar um compromisso mais sério... Mas acho que ela é mais inteligente e tirará uma boa experiência disso. Sem falar que queriam a "prova" no dia do casório também, se houvesse. E ainda pediram antes de ela ir ao Egito exame de Aids, Tuberculos e doenças transmissíveis, porque, de certo, o bonito é de ouro. Chegando lá fizeram ela fazer de novo pra tirar qualquer tipo de dúvida... Só Pode! Eu mandava eles tomarem bem no centro do c* deles. Graças a Deus não é comigo uma palhaçada dessas. pqp!

E se o egípcio mora fora do Egito?

Bem, se o cara ja está morando fora do Egito é meio caminho andado para que a cabeça dele seja um pouco mais aberta e que tenha mais condições financeiras de se casar com uma estrangeira e ter menos preconceito. Como disse tudo depende da classe social, família, lugar em que o cidadão mora e tal... Esse foi o meu caso.


O PRECONCEITO

Aqui é normal ver os árabes achando que no Brasil todo mundo faz "top-less" e existem anacondas gigantes vagando por aí. Essa  semana ainda um colega meu de trabalho, enquanto nós descansavamos entre um vôo e outro, me indagou sobre isso. "Sim, mas Cristiane, no Brasil as mulheres usam top-less nas praias e no carnaval também, right?" Eu tentei me explicar e contornar o assunto, mas vi que era perca de tempo. A mesma coisa nós acharmos que todos eles são terroristas... O comentário veio durante o filme que estava passando na TV onde uns americanos foram parar na Amazonia e lá acharam umas índias mais com caras de putas e sotaque americano do que outra coisa...Nem sei o nome do filme, mas uma coisa muito mal feita e depreciando o Brasil, como também no filme "Tourists" onde transplantes de órgãos eram feitos a facão... Esse mesmo sujeito comentou desse filme pra mim...
Mas deixando de lado a miserabilidade americana no fator cinema, os árabes pensam o que eles vêem na TV. Muitos não usam internet para se informar, usam pra outra coisa, mas não se informar, isso ninguém gosta. Então a cabecinha dos caras é bem pequena, temos que ter pena deles. Mas como disse nao generalize.
Aí vem umas loucas usarem a internet pra fazer orgias e então eles ficam pirando mesmo. O que eu vou fazer? Vou conversar com pessoas com mais classe. Infelizmente tem pessoas que não se dão o respeito e outras pagam por isso.

Os países do oriente, tirando os que são ricos porque tem petróleo e o usam de forma correta, muitos estão empobrecidos. A vida muito difícil, uns vivem abaixo do nível da pobreza, como alguns lugares da Índia, Paquistão, Afeganistão e por aí vai. Mas muitos têm um computadorzinho reguenguela pra se conectar na internet. Isso é fato. O uso da tecnologia vem crescendo muito. Aqui eu vejo pessoas com condiçoes de vida bem precária, porque aqui também tem isso, não se engane, usando seu telefonezinho celular o tempo todo, sms pra cá, sms pra lá... Então pelo cara ter um computador não quer dizer que ele tem dinheiro pra sustentar uma família, não se iluda.


Gente, o que quero dizer é que:

Em todo lugar do mundo tem pessoas bem intencionadas e pessoas má intencionadas. Observe a situação, pergunte, esclareça, simule...
Se o relacionamento está deixando dúvidas demais, não vá em frente. Se deixou dúvida, já é porque algo está errado. Quando a coisa é pra ser não existem dúvidas!

Eu sei que esse post vai ser motivo de críticas, mas eu não ligo, falo o que vejo e o que tenho vivido. O meu habibi sempre me diz o que se passa no Egito e eu sempre comento com ele as coisas. Ele me faz ver o que tem de errado nas situações, muitas vezes. 

Como disse, não citei nomes, se algo se pareceu com sua história é mera coincidencia, existem várias histórias e só trocam-se os nomes.

Fiquem com Deus e quem quizer o blog está aberto a discussões, deixe seu comentário.





 Criss Freitas


18 comentários:

  1. Muito Legal o seu post , e valido tambem. Tenho visto mesmo por em grupos, mulheres Brasileiras deslumbradas pelo I Love You, abrindo mão da vida por alguem que mal conhecem. Socorro !! Ja passei por isso, mas td o que ja passei na minha que não foi pouco me trouxe a realidade em tempo. Sou muito pé no chão. Quero sim morar, trabalhar nos Emirados, mas isso não significa que para isso eu tenha que me casar com um Arabe. Percebo que muitas mulheres o interese maior delas é esse, mas elas não tem coragem de assumir.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Claudia.

    Infelizmente muitas mulheres estao descobrindo a internet e isso deixa as pessoas um pouco fora de si. Arabes sao homens normais, mais normais do que nunca.
    Vejo umas comentando que largariam tudo para irem morar no Egito com eles e tal... Meu Deus, mal conheceram o cara, a cultura deles eh totalmente aversa a nossa. trocaram poucas palavras em ingles e ja ficaram loucas... eles sao bem machoes ainda por cima, alguns nao aparecem por dias e fazem elas pensatem que foi pq elas fizeram algo errado. Errado nada, eles estao online com outras que eles ja tem ha mais tempo, pq vivem online sem fazer nada... ABram os olhos, sejam espertas. Ninguem pode amar alguem em poucas horas de chat online tendo um mundo de mulheres se despindo pra eles...

    ResponderExcluir
  3. Eu acho difícil generalizar dizer que se você tem dúvidas é porque não vai dar certo. A maioria das pessoas casam com dúvidas, mesmo q sejam pessoas do mesmo país e cultura.
    Também devemos respeitar o modo de vida das pessoas, no Egito convivi com pessoas que comiam no "chão", isso não é falta de higiene não, eles estendem uma toalha no chão e colocam os pratos, comi assim com pessoas "estudadas", médicos e dentistas de lá, isso é a cultura deles.
    Mas concordo que as mulheres devem abrir os olhos, não se iludir com o conto de fadas com o príncipe das arabias, pq ninguém vive um conto de fadas no dia a dia. As culturas são muito diferentes é preciso ter muito amor e paciência para superar as diferenças (dos dois lados).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ola desconhecido, primeiro quero dizer que nao costumo postar comentarios de desconhecidos, vc vai ser o primeiro e o ultimo, nao gosto de pessoas que se escondem, ou tem colhoes pra falar ou entao fica quieto.

      primeiro postei varias vezes que nao estou generalizando. mas comer nao chao nao é costume de alexandria ou cairo como disse, talvez um ou dois fazem isso. ja vi mta gente comendo com a mao mas sei que é a cultura do povo arabe principalmente pq tem alguns beneficios pra saude nisso (coisa que discordo). Cultura deles, nao é nao. Costume de alguns, sim, principalmente familias que nao sao da cidade.
      Existem duvidas e duvidas. Claro que duvidas de dar certo todo mundo tem. Mas o cara desaparecer por cinco ou seis dias e depois aparecer isso eu nao engulo. o cara ficar brabinho pq quer que vc mude a sua vida e pra o egito atras dele tbm nao engulo, o cara ficar online 24 horas tbm nao engulo..sao tantos pontos... que deixam duvidas....

      Excluir
  4. Oi cris meu nome e cristiane estou em seu face. seu post e muito legal esta muito claro palavras faceis de serem entendidas,sei que voce disse algumas vezes que nao esta generalizando,ok mas tem alguns pontos,visto para o Brasil e muito discomplicado para egipsios em 5 dias, antes eu pensava assim tambem que os egipsios que se relacionavam com meninas do brasil apenas queria facilidade no visto,antes de vir morar no egito eu tinnha uma visao totalmente distorcida de tudo aqui,hoje quando vejo mulheres que dirigem trabalham,umas usam hejab outras nao, eu uso hejab aqui ,mas nao e uma exigencia do meu esposo,eu optei por usar ,apenas para nao me sentir diferente coisa assim.rsrs ele ate me sugeriu eu usar hejab apenas quando nossa filha completasse 15 anos,pois eu vivia em sp clima muito contrario daqui,e sofro as vezes com calor ,apesar de eu sar roupas normais leves nao uso blusas por baixo.de roupa e outras coizinhas a mais ,haha. nao escrevi para criticas apenas para contar um pouco da minha experiencia aqui e atravez disso voce wuem sabe escrever um post com positividades sobre egito. que vejo tantos sites que critica diz um pais feio etc... no brasil tbm nem todos vivem em lugares lindos temos que respeitar as diferencas e condicoes das pessoas, pois o mundo nao e igual.bom Cris eu quase escrevi um post ne? hahah engracado lendo o que vc escreve parece que te conehco sua perssonalidade e como se eu soubesse direitinho haha ... grande beijo fique com Deus !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristiane, minha chará...rsrsr menina vc quase me matou de sustoooo. Tive uns problemas com umas "unknowns" ai sabe e pense que a dita cuja tinha voltado ahaha mas que bom que vc se identificou, desculpa por que mandei bala né?

      Olha, nao to falando mal do meu querido lindo Egito não!!! Eu estive ai em abril e amei, acho que vou mes que vem de novo, se Deus quiser.
      Se vc procurar aqui no blog tem varios posts falando bem do 'gito rsrsr

      Eu pareço braba ne? Mas nao sou nao, so faixada... quando to braba meu habibi me poe no colo e me dá varias palmadas na bund* até eu ficar boazinha rsrsrs verdade

      So quero dizer nesse post que muitas me escrevem querendo largar tudo por um habib dazarabias, ai eu falo que nao é bem assim, precisa conhecer bem primeiro. Alguns costumes mostram que eles sao do interior e quanto mais do interior mais dificil vai ser a aceitaçao da nossa cultura. Ja os da Alexandria, CAiro e tal sao mais abertos as outras culturas pq estao acostumados a conviver com pessoas de fora.
      Mas nao falei mal, nao. Isso tudo sao costumes e nao podemos querer mudar isso assim. Respeito muito. Claro que tem coisa que pra mim nao dá, mas isso é pra mim. CAda um cada um.

      Flor fica a vontade pra escrever o que quiser e se quiser falar algo sobre o Egito aqui no blog me manda que eu posto. Ou fotos tambem que eu amo muito tudo isso. Aqui ja postei muiiiitas fotos do Egito.

      beijoka e fica com Deus.
      Criss

      Excluir
  5. Muito bom o seu post. Tem muuuuuuuuuita garota iludida nesses bate papos da vida. E por mais que leem a respeito, pq já lí em vários blogs tb esses alertas, elas preferem jogar seus coraçãozinhos nesses namoros, e depois ela é que sofre. Acho que é pq os homens aqui no Brasil, a grande maioria, esta fugindo de resposabilidade, não precisa ser romântico, mostrar interesse, essas coisas, as mulheres estão tão fáceis, para que eles vão se comprometer, se tudo esta em seu alcance? E sobre isso eu gosto muito no Islã, essa separação sabe, esse recato mais que necessário para se ter respeito hj. Adorei seu post, e espero que muitas garotas venham aqui ler e ter um pouco mais de cuidado com os sentimentos delas. Bjo grande

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Mi, tem mtas mulheres que estao deslumbradas e pensam que estao apaixonadas...vejo que algumas estao ate depressivas e com problema psicologico... poucas sao coerentes e maduras apesar da idade de algumas ser avançada...

      mas nao gosto mto de ficar escrevendo sobre esse tema pq mta gente entende errado e acaba odiando a gente...
      entao prefiro que meu blog por si só mostre meu relacionamento com meu habibi e veja que relacionamento pela net pode dar certo, sim, se for maduro.


      obrigada por comentar

      cris

      Excluir
  6. Adorei o seu post Cris,vc foi muito direta,sem ródeos, te admiro muito!
    Como vc mesma disse graças a Deus,não são todos,ainda existem pessoas bem intencionadas,cada caso é um caso,mas ninguém esta livre de se decepcionar,em qualquer lugar do mundo,Egito,Brasil,Espanha....a única alternativa é ficarmos espertas e se tanta esperteza ainda não for o suficiente ,alguém cair nessa lábia,bem que sirva de aprendizado,digo isso por mim mesma!Vou tentar,sei que a vida não será cor de rosa (como ele mesmo disse,nem tudo será amor)existem os problemas do dia a dia,em qualquer lugar do mundo,mas prefiro tentar,mesmo que um dia eu me arrependa e volte,recomece do zero,mas pelo menos não poderei dizer nunca que sou frustrada pq não tentei!!!Mas desejo que de certo sim com as bençãos de Deus!
    Adoro seu blog,bjs!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Isabel,obrigada, gosto muito de vc e torço pelo seu casamento com seu habib. ESpero que Egito ou qualquer lugar que voces escolham pra viver lhe traga paz e felicidade.

      Como disse cada caso é um caso, a gente sente quando o cara está bem intencionado... mas mesmo assim algumas nao sentem. Eu fico abismada com algumas meninas que me procuram, tem umas que estao fora de si... lastimavel.

      mas voce está firme e sabe quem ele é, entao, deve fazer o que o seu coraçao pede. A gente nunca sabe como vai ser, pode ser bom, pode ser ruim, mas devemos tentar para nao ter arrependimento depois de nao ter tentado.

      Voce tem tudo pra ser feliz e me fala quando for pra la... bjk

      Excluir
  7. Assalamu Aleikum wa Rahmatullahi wa Barakatuh!

    Querida Cris, vim te dar os PA RA BÉNS pelo trabalho maravilhoso que você vem desenvolvendo em seu blog. Agradecer também muito é importante. Dou altas gargalhadas com seu jeito real de falar, muuuiiito bom! Quero te pedir um favor: Não nos deixe órfãos de informação. Como moramos do outro lado do mundo, é tão interessante e importante que tenhamos alguém para nos passar suas experiências, informações e tudo mais. Imagina, até com aulas de árabe você nos presenteia. Quanta generosidade. Muito obrigada! Allah(Deus)te recompense. Peço a Allah que continue te guiando, abençoando e protegendo sempre. Ameen.
    Grande beijo em seu coração, muiiitas felicidades e muito mais SUCESSO! Ameen.

    Ma salama

    Karima Bismillah

    ResponderExcluir
  8. Artigo mais esclarecedor q já vi sobre o tema. A observação da classe social foi perfeita.

    ResponderExcluir
  9. Olá meu nome é Evelyn tenho 18 anos sou do RJ e é o primeiro post que li no seu blog e amei. O seu jeito sincero de escrever é ótimo, porque você dá dicas para nenhuma brasileira se dar mal só uma louca da vida ia achar seu post ofensivo. Eu estou entrando nesse mundo ''Árabe'' a pouco tempo, na verdade eu acho que sempre gostei, amava a novela o clone e com 8 anos eu acho sai de Jade no Carnaval u.u'. Sempre gostei muito das músicas árabes e só conhecia isso e as coisas que a Globo fala que aparenta ser um mundo aonde as pessoas tem que passar longe. Curiosa que eu sou e pretendo cursar Relações Internacionais comecei a pesquisar sobre blogs com esse tipo de tema e engraçado que você citou o Live Mocha e eu tinha criado no final do ano passado e percebi que muitos árabes estava me adicionando mas nenhum vinha falar comigo, até que um turco encheu meu saco para querer falar com ele. Eu fiquei nervosa, com medo mas encarei e foi interessante até demais, de começo ele digitava em português depois perguntou se a gente poderia falar em inglês. Até no próprio chat do Live Mocha a web cam dele ligou e ele pediu para eu ligar a minha MAAAAAAAS eu sou muito pé atrás e meti logo uma fita crepe na web cam. E mesmo assim ele perguntou se eu tinha microfone fui sincera e disse que sim porém não iria ligar porque minha mãe odeia esses tipos de site e que eu não ia intender muito o sotaque dele. Ele ficou de boa e pediu meu facebook e adicionei, ele tem 26 anos e percebi que ele tem muitos contatos estrageiros como brasileiras, europeias... Tinha uma foto que talvez seja a namorada dele '' Japonesa ou algo assim''. Depois ele veio me pergunta quando eu ia ficar sozinha porque queria muito conversar comigo para treinar o português. Eu falei que não ia ser tão cedo porque primeiro que eu não saio ligando webcam e micro para qualquer um muito menos para estrangeiros. Acho que o lindinho intendeu o recado, eu não sei se ele queria realmente aprender português porque ele frequenta o Live Mocha e faz as aulinhas ou queria uma pouco de sacanagem. Ainda tenho ele no facebook e não veio mais falar comigo acho que ele ficou de boa kkkk'. Engraçado que mesmo com esse sentimento de medo no fundo eu sentia que ele queria conhecer a cultura Brasileira. Italianos e Franceses foram mil vezes afobados, me mandavam recados pedindo MSN, SKYPE tudo que relacionada a micro e web sem querer conversar comigo por digitação.
    Experiência tola mas achei o Turco tão ownt porém mesmo com minha pouca idade sou muito pé firme e desconfiada mas a cultura árabe tá me fascinando. Quem sabe no meu futuro emprego de R.I me faça conhecer um habibi, enquanto isso fico de beijinhos e abraços com os cariocas mesmo.

    Escrevi muito é por que me empolguei com seu post.
    Beijos , Evy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Evelyn...

      Realmente os arabes usam bastantes as redes sociais, todas, eles gostam de papear... Aqui a cultura não permite que eles conversem, beijem, abracem, etc as meninas, entao eles precisam da internet para se soltarem mais.

      No livemocha vi mtos arabes de varios paises e turcos tbm. Geralmente eles pedem para abrir a cam ja de primeira, dizem que vc eh linda, que vc parece um anjo, que quer ouvir sua voz, mas na verdade estao te testando, para ver se vc é facil, se é bonita, jovem, se tem dinheiro... Todo cuidado é pouco.

      Vc pode falar pela cam se ja conhece ele a bastante tempo e ja tem um relacionamento mais serio. Se nao, tome cuidado porque eles adoram "brincar" online ;)

      beijoka

      cris

      Excluir
  10. Assalamu Waleikum.ola amiga cris como este post me esclareceu,olha tenho varias duvidas sobre meu habibi,e realmente isto nao e bom...as vezes ele nao esta on no skipe onde nos falamos muito,mas esta on no tagged,onde nos conhecemos,e nao me respondi,depois vem com a desculpa que estava no hospital,porque ele sofreu um acidente de moto,e no momento esta na casa da mae dele,ja que segundo ele e divorciado e mora sozinho,tem sua propria loja de manutençao de computador,ele e engenheiro ele e engenheiro eletronico....ele realmente esta acamado,eu vejo quando esta on a mae dele cuidando dele,os curativos na perna...mas a desculpa e que ele vai para o hospital ea mae dele abre todos os emails dele....hahaha,como se eu acreditasse que uma senhora vai mexer nas coisas de internt..sei la...........,mas ele vem com esta que ja sou esposa dele,que oresto e so burocracia..kkk.querendo me ver nua ....mas eu nao dou muito mole para ele nao....mas tambem nao posso dizer que nunca tivemos intimidades...mas lendo isto agora podi ser que nao vai rolar nada, que talvez seja mesmo so masturbaçao...eu nao sei oque pensar...se tiver uma dica para me passar para que eu descubra as tuas reias intençoes eu te agradeço,tbem me converti ao islam,eu era crista,mas ele me pediu,entao comecei a estudar,a me informar,e vi que o islam e uma religiao de paz,ao contrario que eu pensava..........com isto ele vibrou muito,e tambem com minha decisao de viver com ele no egito...me disse que a maioria das brasileiras que ele conheceu,convidava ele para viver aqui no brasil,e nao queriam se converter ao islam,nao que seja obrigado segundo ele,mas ele acha bom que se converta...me disse que no brasil ele nao teria condicoes de sustentar uma familia como no egito,ja que la ele ja tem a propria casa e loja...me ajude amiga....eu nao vejo nunca tuas respostas para mim..............salam

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola amiga,acho que eu nao preciso dizer mais nada, vc mesmo pelo post que fiz podera concluir as intensoes dele. Chama-la de esposa nao quer dizer nada, mtos fazem isso na primeira semana para nao se sentirem culpados na hora que estao tendo intimidades virtuais.

      Com certeza nao eh a mae dele que esta lendo os emails dele ja que ele eh um engenheiro eletronico kkkkk isso mesmo eh uma piada.

      uma dica para vc descobrir algo seria criar contas falsas de facebook e outros sites e adicionar ele e tentar ver qual eh a dele como se vc fosse outra mulher, foto e nomes falsos...

      um abc

      Excluir
  11. amei a resposata.bjus vou agora mesmo criar uma no skipe,ja fiz isto no face,mas ele nao esta aceitando mais ninguem....fiz uma conta falsa no face de uma mulher bem bonita,mas ele nao acc,disse para mim isto,que nao quer mais problemas,que ja esta resolvido comigo...agora vamos ver no skipe,e no tagged......bjus

    ResponderExcluir
  12. Nunca tinha lido teu blog antes e A-D-O-R-E-I, ja add nos favoritos. Vou ler tudo antes de qq coisa e comentar com certeza. Amei teu post, Parabéns.

    ResponderExcluir